Botafogo vai com força total na Sul-Americana

A conquista da extinta Copa Conmebol, em 1993, é motivo de orgulho até hoje para o Botafogo. Agora, 15 anos depois, o time carioca quer repetir o feito com a Copa Sul-Americana. Para isso, precisa passar nesta quarta-feira pelo o Atlético Mineiro, às 22 horas, no Mineirão, em busca de um lugar nas oitavas-de-final da competição.O time carioca pode até perder por 1 a 0 que estará classificado, já que venceu a primeira partida, no Engenhão, por 3 a 1. Mesmo assim, o técnico Ney Franco promete escalar o time completo, com o respaldo da diretoria, sem poupar ninguém. A exceção é o atacante Wellington Paulista, que sente dores musculares.Para o jogo no Mineirão, o Botafogo ainda não contará com o atacante argentino Leandro Zárate. A prioridade da diretoria do clube é regularizar sua inscrição na CBF nos próximos dias, para que ele possa atuar no sábado, contra o Náutico, pelo Brasileirão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.