Botafogo vence a Ponte Preta e encosta nos líderes

O Botafogo conseguiu a reabilitação em casa e pôs fim à invencibilidade da Ponte Preta no Campeonato Paulista. O time de Ribeirão Preto venceu os campineiros por 1 a 0, nesta quinta-feira, no estádio Santa Cruz, pela quarta rodada.  

AE, Agencia Estado

28 de janeiro de 2010 | 23h06

 

Veja também:

especialQUIZ - Você sabe tudo sobre o Paulistão?

lista RESULTADOS / tabelaCLASSIFICAÇÃO

Esta foi a segunda vitória do Botafogo, que se aproximou dos primeiros colocados, com sete pontos. Um a menos que os líderes Palmeiras e Corinthians. Por outro lado, a Ponte Preta sofreu a sua primeira derrota e segue em posição intermediária, com cinco pontos.

O gramado molhado pela chuva que caía em Ribeirão Preto foi um grande obstáculo para os dois times. Com dificuldades para tocar a bola, tanto Ponte Preta, quanto Botafogo abusaram dos cruzamentos e lançamentos longos. Os goleiros tiveram pouco trabalho na primeira etapa.

Na segunda, porém, o time da casa se valeu do melhor preparo físico para chegar à vitória. O único gol do jogo saiu aos 25 minutos. O meia João Henrique cobrou falta da direita e o atacante André Neles subiu sozinho para cabecear sem chances para o goleiro Eduardo Martini.

No próximo domingo, às 17 horas, o Botafogo volta a campo para enfrentar a Portuguesa, no estádio do Canindé, em São Paulo. Já a Ponte Preta joga contra o Rio Branco, no mesmo dia, às 19h30, no estádio Antônio Lins Ribeiro Guimarães, em Santa Bárbara D''Oeste, já que o Décio Vitta, em Americana, está interditado.

BOTAFOGO 1 X 0 PONTE PRETA

Botafogo - Weverton; Cássio, Cleiton, Leandro Amaro e Andrezinho; Rodrigo Pontes, Augusto Recife, Ademir Sopa (Radamés) e João Henrique; Willian (Ricardinho) e Malaquias (André Neles). Técnico: Roberto Fonseca

Ponte Preta - Eduardo Martini; Edílson, Jean, Léo Oliveira e Vicente; Deda (Daniel Costa), Galiardo, Tinga e Fabiano Gadelha; Otacílio Neto (Manteiga) e Finazzi (Leandrinho). Técnico: Sérgio Guedes

Gol - André Neles, aos 25 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos - Cleiton e Ademir Sopa (Botafogo); Léo Oliveira e Deda (Ponte Preta)

Árbitro - Cléber Wellington Abade

Renda - R$ 42.295,00

Público - 1.989 pagantes

Local - Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.