Vitor Silva/SSPress
Vitor Silva/SSPress

Botafogo vira sobre o Nova Iguaçu em casa com gol de Jobson

Equipe vira líder provisório do Campeonato Carioca após vitória por 2 a 1 no Engenhão; time ainda pode ser ultrapassado pelo Flamengo

LEANDRO SILVEIRA, Estadão Conteúdo

21 de fevereiro de 2015 | 19h05

Foi sofrido, mas o Botafogo assegurou mais uma vitória no Campeonato Carioca. Neste sábado, de virada, o time derrotou o Nova Iguaçu por 2 a 1, no Engenhão, em partida válida pela sexta rodada e decidida nos minutos finais, com um gol marcado pelo atacante Jobson.

O triunfo colocou o Botafogo na liderança provisória do Campeonato Carioca com 16 pontos. Mas o time precisa torcer neste domingo por um tropeço do rival Flamengo, que vai enfrentar o Madureira no Estádio Raulino Oliveira, em Volta Redonda, para seguir na primeira colocação. Já o Nova Iguaçu, com apenas um ponto, é o vice-lanterna do torneio estadual.

Após um início lento de jogo, o Nova Iguaçu surpreendeu o Botafogo abriu o placar da partida aos 11 minutos. Em um rápido contra-ataque, Dieguinho disparou em velocidade desde o meio-de-campo e finalizou cruzado. Antes da bola entrar, Marlon desviou para as redes.

Saindo atrás no placar pela primeira vez neste Campeonato Carioca, o Botafogo tentou reagir e ameaçou em um chute de Gilberto. Depois, aos 34 minutos, teve a sua principal oportunidade no primeiro tempo.

William Arão fez bela jogada individual e chutou duas vezes, parando em Jefferson. No rebote, Bill, em condição de impedimento, finalizou. Antes da bola entrar, Henrique evitou o gol com a mão. A arbitragem, porém, não marcou pênalti nem impedimento na jogada.

Depois, o Botafogo ainda teve outras chances, sendo duas delas com Tomas, mas em ambas o meia finalizou muito mal. Assim, o primeiro tempo no Engenhão terminou mesmo com o Nova Iguaçu em vantagem.

No segundo tempo, o Botafogo não conseguiu repetir o mesmo volume de jogo nos minutos iniciais, pouco ameaçando a meta do Nova Iguaçu. René Simões, então, promoveu a entrada de Sassá, que deu mais velocidade ao ataque do tenso time de General Severiano.

E o Botafogo arrancou o empate aos 26 minutos. Carleto cobrou falta para a grande área e Paulo Henrique cabeceou para as próprias redes, marcando um gol contra. O gol impulsionou o time da casa, que conseguiu a virada aos 37 minutos. Marcelo Mattos lançou a bola na área, Bill ajeitou para Jobson, de cabeça, definir mais um triunfo do time no Campeonato Carioca.

O Botafogo volta a entrar em campo em 1º de março, dessa vez no Maracanã, para enfrentar o Flamengo em clássico válido pela sétima rodada do Campeonato Carioca.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 2 x 1 NOVA IGUAÇU

BOTAFOGO - Jefferson, Gilberto (Luiz Ricardo), Roger Carvalho, Renan Fonseca e Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão, Fernandes (Gegê) e Tomas (Sassá); Jobson e Bill. Técnico - René Simões.

NOVA IGUAÇU - Jefferson; Paulo Henrique, Rodrigo Almeida, Jorge Fellipe e Cleyton; Luan, Glauber (Sampaio), Rodrigo César (Vinicius Matheus) e Dieguinho (Filipe); Wescley e Marlon. Técnico - Eduardo Allax.

GOLS - Marlon, aos 11 minutos do primeiro tempo; Paulo Henrique (contra), aos 26, e Jobson, aos 37 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rodrigo Carvalhaes de Miranda.

CARTÕES AMARELOS - Gilberto, Roger Carvalho e Sassá (Botafogo); Rodrigo César, Jefferson e Paulo Henrique (Nova Iguaçu).

RENDA - R$ 214.490,00

PÚBLICO - 10.885 pagantes (12.785 presentes)

LOCAL - Estádio Engenhão, no Rio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.