Rafael Moreira/Bragantino
Rafael Moreira/Bragantino

Bragantino 'acorda' no intervalo e vence Botafogo por 2 a 0

Time de Bragança divide a liderança do grupo com o Ituano; Corinthians e Linense estão zerados

Estadão Conteúdo

18 Janeiro 2018 | 21h50

O Bragantino acordou na volta do intervalo depois de um primeiro tempo muito fraco e estreou no Campeonato Paulista com o pé direito ao ganhar do Botafogo por 2 a 0, nesta quinta-feira, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

+ Tabela do Campeonato Paulista

Com a primeira vitória, o Bragantino divide a liderança do Grupo A com o Ituano, enquanto que Corinthians e Linense estão zerados. Já o Botafogo segue zerado no Grupo D, assim como o Mirassol. O Red Bull Brasil somou um ponto e o Santos é o líder com três.

Os torcedores que compareceram ao estádio viram um primeiro tempo muito fraco tecnicamente e que só teve emoção nos minutos finais. Naylhor, de cabeça, e Wesley, em chute rasteiro, quase marcaram para o Botafogo, enquanto que o Bragantino respondeu em finalização de Evandro pela linha de fundo.

Logo aos quatro minutos do segundo tempo, Vitinho cobrou falta na segunda trave e Willian Oliveira, pressionado por Ewerton, acabou desviando contra o próprio gol. Atrás do placar, o Botafogo esboçou uma pressão e desperdiçou várias oportunidades até que, aos 36, William Schuster ajeitou de cabeça e Matheus Peixoto finalizou na saída do goleiro, marcando o segundo para o time da casa. Na comemoração, emocionado, ele tirou a camisa e foi amarelado.

O Bragantino volta a campo na próxima segunda-feira contra o Santos, às 20 horas, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, enquanto que o Botafogo recebe o Palmeiras neste domingo, às 17 horas, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

FICHA TÉCNICA

BRAGANTINO 2 x 0 BOTAFOGO

BRAGANTINO - Alex Alves; Ewerton, Guilherme Mattis, Lázaro e Fabiano; Adenilson, Evandro (William Schuster), Vitinho (Helton Luiz) e Gerley; Léo Jaime (Bruno Sávio) e Matheus Peixoto. Técnico: Marcelo Veiga.

BOTAFOGO - Tiago Cardoso; Diego Tavares, Naylhor, Plínio e Peri; Carlos Henrique (Serginho), Diones, Willian Oliveira (Bruno Rocha) e Dodô; Wesley (Lelê) e Jheimy. Técnico: Léo Condé.

GOLS - Willian Oliveira (contra), aos 4, e Matheus Peixoto, aos 36 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Peri e Ewerton (Bragantino).

ÁRBITRO - Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza.

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Mais conteúdo sobre:
Clube Atlético Bragantino

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.