Bragantino empata e perde a chance de encostar no G-4

Mesmo brigando pelas primeiras posições do Campeonato Brasileiro da Série B, o Bragantino teve uma péssima atuação e apenas empatou com o ABC, por 1 a 1, nesta terça-feira, na abertura da 32.ª rodada. E o time visitante foi, todo o tempo, melhor em campo e merecia vencer. O empate ficou barato para o clube da casa.O resultado não mudou as posições dos dois times. O paulista fica em sexto lugar, com 49 pontos - dois a menos que o G-4, a zona de acesso -, enquanto o potiguar atinge os 40 pontos, permanecendo na 13.ª colocação.Ao contrário do esperado, o Bragantino não teve uma boa atuação no primeiro tempo. Até se surpreendeu com a disposição ofensiva ao visitante, que chegou a ameaçar, algumas vezes, o goleiro Gilvan. Sobrou ao time paulista usar a sua conhecida e ?única? jogada ofensiva: os levantamentos de faltas em diagonal para a grande área, na tentativa de alcançar algum zagueiro ou o artilheiro Nunes.Os dois times voltaram iguais na segunda etapa. E o ritmo de jogo também continuou o mesmo, com o ABC mandando em campo. Mas por capricho do futebol, o Bragantino abriu o placar num lance discutível. Ben-Hur dividiu com Nunes dentro da área e a bola tocou em seu braço, num toque considerado proposital pelo árbitro. Na cobrança, Nunes tirou do goleiro e marcou seu 13.º gol na temporada.Pouco depois, aos 33 minutos, Piauí fez o levantamento do lado esquerdo e Ivan, que tinha entrado um pouco antes, bateu de primeira com o pé esquerdo. Um golaço. Aos 37, o ABC poderia ter chegado à vitória, quando armou um contra-ataque e o mesmo Ivan acertou a trave direita de Gilvan. No minuto seguinte, Moradei vacilou e Ivan bateu sozinho, exigindo uma grande defesa do goleiro.Pela 33.ª rodada, o Bragantino vai atuar em casa novamente, desta vez diante do Bahia, no dia 1.º de novembro. Um dia antes, o ABC enfrentará o Brasiliense, em Taguatinga, na Boca do Jacaré.Ficha técnicaBragantino 1 x 1 ABCBragantino - Gilvan; César Gaúcho, Adriano e Marcelo Godri; Nego, Moradei, Danilo Bueno, Malaquias (Éder) e Pará; Davi e Nunes. Técnico: Marcelo Veiga.ABC - Paulo Musse; Bosco, Ben-Hur, Márcio Santos e Piauí; Alexandre Oliveira, Márcio Hahn (Leandro Sena), Jean Carioca (Ivan) e Fabiano Gadelha; Ronaldo Capixaba (Warley) e Everton. Técnico: Artur Neto.Gols - Nunes (pênalti), aos 24, e Ivan, aos 33 minutos do segundo tempo.Cartões amarelos - Eder (Bragantino); Everton, Ronaldo Capixaba e Piauí (ABC).Árbitro - Ricardo Cardoso da Conceição (MG).Renda - R$ 14.692,00.Público - 1.139 pagantes.Local - Estádio Marcelo Stéfani, em Bragança Paulista (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.