Bragantino vence 5.ª seguida e entra de vez na briga pelo acesso

Time faz 2 a 1 no Náutico, quebra invencibilidade de sete jogos do adversário e já é o sexto

AE, Agência Estado

13 de setembro de 2011 | 22h46

BRAGANÇA PAULISTA - O Bragantino segue impossível no Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta terça-feira, venceu o Náutico por 2 a 1, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, e conquistou o seu quinto resultado positivo seguido, além de acabar com uma sequência invicta de sete jogos do adversário. O confronto foi válido pela 23.ª rodada.

Com mais uma vitória, o time paulista entrou de vez na briga por uma vaga no tão sonhado G-4, o grupo de acesso, chegando aos 36 pontos, em sexto lugar. Mesmo com o tropeço, o Náutico segue entre os melhores, mas caiu para o terceiro lugar, com 41, perdendo a vice-liderança para a Ponte Preta.

Muitos torcedores ainda entravam no estádio quando o Bragantino abriu o placar. Logo no primeiro minuto, Léo Jaime foi lançado em profundidade, invadiu a área e tocou na saída do goleiro Gideão.

O Náutico tinha maior posse de bola, mas não conseguia furar o bloqueio adversário e pouco finalizava. O time paulista ampliou em um lance irregular. Aos 24 minutos, Marcinho cobrou falta, Júnior Lopes desviou e Lincom, em impedimento, tirou do alcance de Gideão.

No final do primeiro tempo, o ala direito Diego Macedo recebeu o segundo cartão amarelo e deixou os donos da casa um a menos. Isso mudou a história do jogo.

Na segunda etapa, o Náutico tinha maior posse de bola, mas não conseguia escapar da forte marcação exercida pelo Bragantino, que abusava das faltas no meio de campo. O time pernambucano diminuiu aos 35 minutos. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Marlon cabeceou com força e contou com uma falha do goleiro Gilvan para balançar as redes. Em busca do empate, o Náutico teve mais duas chances perigosas, mas não empatou.

O Bragantino volta a campo na próxima sexta, quando enfrenta o Vila Nova, às 20h30, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 24.ª rodada. No sábado, o Náutico faz o duelo pernambucano contra o Salgueiro, às 16h20, no estádio dos Aflitos, no Recife.

BRAGANTINO 2 X 1 NÁUTICO

BRAGANTINO - Gilvan; Júnior Lopes, Luiz Carlos e André Astorga; Diego Macedo, Luiz Henrique, Mineiro, Romarinho (Diego) e Marcinho (Luiz Felipe); Léo Jaime e Lincom (Otacílio Neto). Técnico: Marcelo Veiga.

NÁUTICO - Gideão; Peter, Marlon, Ronaldo Alves e Jeff Silva (Aírton); Derley, Lenon (Marcos Vinícius), Elicarlos e Eduardo Ramos; Rogério e Kieza. Técnico: Waldemar Lemos.

Cartão amarelo - Marcinho e Mineiro (Bragantino); Derley, Elicarlos e Peter (Náutico).

Cartão vermelho - Diego Macedo (Bragantino); Eduardo Ramos (Náutico).

Árbitro - Wagner dos Santos Rosa (RJ).

Gols - Léo Jaime, a 1, e Lincom, aos 24 minutos do primeiro tempo; Marlon, aos 35 minutos do segundo tempo.

Renda - 2.958 pagantes.

Público - R$ 29.475,00.

Local - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.