Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Brandão dá cabeçada em Thiago Motta em jogo do PSG

Imagens do circuito interno do estádio mostra o momento exato em que os brasileiros se desentendem no corredor para o vestiário

Estadão Conteúdo

16 de agosto de 2014 | 17h29

O atacante Brandão acertou uma cabeçada no volante Thiago Motta ao fim da partida entre Paris Saint-Germain e Bastia, neste sábado, pela segunda rodada do Campeonato Francês. A agressão aconteceu no túnel que leva aos vestiários do Parc des Princes, onde foi disputado o jogo vencido pelo PSG por 2 a 0.

Imagens do circuito interno de TV do estádio mostra o momento exato em que o brasileiro acerta uma cabeçada no rosto de Motta, que tem nacionalidade brasileira e italiana. O volante, em seguida, aparece com muito sangue no nariz. O choque acabou fraturando o nariz do jogador, de acordo com o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi.

Indignado com a cabeçada, o dirigente pediu uma punição severa ao atacante do Bastia. "Ele deve ser banido do esporte", afirmou. O zagueiro Thiago Silva, companheiro de Motta no PSG, não entrou em campo porque se recupera de lesão, mas não deixou de manifestar seu repúdio pelo ataque.  

"Vergonhoso! Sua atitude é indigna de um jogador de futebol! Deus não esquece...", declarou o defensor, em referência a Brandão, no Twitter. Depois, fez coro com o presidente do clube e pediu uma punição dura ao atacante compatriota.

"Eu quero saber quantos jogos de suspensão ele vai pegar... É um jogador desleal, que só fala muito o tempo todo ao invés de jogar futebol. Se eu peguei três jogos de gancho há dois anos por acertar o árbitro, imagina um ataque como esse. O quarto árbitro viu tudo. Eu estava ao lado do árbitro quando este cara atacou nosso jogador", criticou Thiago Silva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.