Brasil acerta só um chute no gol e é eliminado pela França

Derrotado pela França por 1 a 0, neste sábado, em Frankfurt, o Brasil - em 90 minutos de jogo pelas quartas-de-final da Copa do Mundo - acertou somente uma finalização contra o gol de Barthez. Esta foi a melhor tradução da atuação apagada que eliminou a seleção do Mundial da Alemanha. Foram só sete finalizações brasileiras contra nove por parte dos franceses, que acertaram cinco contra uma do Brasil. Aliás, não foi somente essa estatística que mostrou uma seleção irreconhecível. O Brasil fez até mais faltas, o que não havia acontecido em nenhuma partida da equipe de Parreira no torneio. Os brasileiros cometeram 22 infrações e foram punidos com quatro cartões amarelos. Os franceses, por sua vez, fizeram 17 faltas e levaram três amarelos.A posse de bola foi dos brasileiros (55%), porém, o domínio efetivo da partida foi da França, que mesmo com apenas 45% do tempo do jogo com a bola nos pés, soube pressionar o Brasil com muito mais efetividade. Tanto que tiveram cinco escanteios a seu favor contra dois da seleção.E mais uma vez Zinedine Zidane foi o carrasco. O meia do Real Madrid, que se aposenta da seleção francesa após a Copa, fez sua melhor partida neste Mundial e foi eleito o melhor jogador da partida pela Fifa.Veja abaixo as estatísticas do jogo:Finalizações: Brasil, 7; França, 9 Finalizações certas: Brasil, 1; França, 5 Faltas cometidas: Brasil, 22; França, 17 Cartões amarelos: Brasil, 4; França, 3 Cartões vermelhos: Brasil, 0; França, 0 Escanteios: Brasil, 5; França, 7 Impedimentos: Brasil, 2; França, 5 Posse de bola: Brasil, 55%; França, 45% Melhor jogador da partida: Zinedine Zidane(França)(Com fifaworldcup.com)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.