Brasil ainda lidera ranking da Fifa

O Brasil continua na liderança do ranking mensal de Seleções da Fifa, divulgado nesta quarta-feira pela entidade. Mesmo perdendo quatro pontos em relação à edição anterior, o atual campeão mundial está na ponta com uma vantagem de 54 pontos sobre a segunda colocada, que continua sendo a França. A vantagem, por sinal, é três pontos maior que a do ranking anterior, uma vez que os franceses perderam sete pontos desta vez.Entre os 20 primeiros praticamente não houve mudanças. A mais significativa foi do Uruguai, que subiu três posições (de 19.º para 16.º). Já entre as 205 seleções que são avaliadas, Cuba teve a maior evolução, pois subiu 11 posições (está agora na 60.ª colocação). A última colocada agora é Samoa Americana, que tem somente 18 pontos. E entre os 50 primeiros, 24 pertencem à Uefa (União Européia de Futebol). Para a próxima edição do ranking a Fifa deve realizar algumas modificações no critérios de avaliação. O estudo está sendo comandado pelo ex-jogador francês Michel Platini e o espanhol Ángel María Villar Llona. O novo ranking será divulgado no dia 20 de abril. Confira os 20 melhores (entre parênteses a posição na edição anterior do ranking): 1.º - Brasil, 836 pontos (1.º); 2.º - França, 782 (2.º); 3.º - Argentina, 777 (3.º); 4.º - Republica Tcheca, 774 (4.º); 5.º - Espanha, 759 (5.º); 6.º - Mexico, 752 (6.º); 7.º - Holanda, 750 (6.º.º); 8.º - Inglaterra, 746 (8.º); 9.º - Portugal, 740 (9.º); 10.º - Itália, 736 (10.º); 11.º - Estados Unidos, 736 (10.º); 12.º - Irlanda, 714 (12.º); 13.º - Suécia, 713 (13.º); 14.º - Grécia, 711 (13.º); 15.º - Turquia, 705 (15.º); 16.º - Uruguai, 705 (19.º); 17.º - Dinamarca, 703 (15.º); 18.º - Alemanha, 702 (17.º); 19.º - Japão 702, (18.º); 20.º - Irã 689, (20.º).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.