Matilde Campodonico/AP
Matilde Campodonico/AP

Brasil desencanta no 2º tempo e goleia o Peru no Sul-Americano Sub-20

Seleção brasileira faz todos os cinco gols sobre os peruanos na segunda parte da partida; equipe continua viva na competição

Estadão Conteúdo

04 de fevereiro de 2015 | 20h05

O Brasil cumpriu a sua obrigação e goleou o Peru por 5 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Centenário, em Montevidéu, na abertura da quarta e penúltima rodada do hexagonal final do Sul-Americano Sub-20 que está sendo disputado no Uruguai. Todos os gols brasileiros foram marcados no segundo tempo. Com sete pontos, o time segue vivo na competição.

Contra o adversário mais fraco desta fase - o Peru havia perdido os seus três jogos anteriores -, o técnico Alexandre Gallo mandou a campo uma formação sem centroavante. Deixou o vascaíno Thalles no banco de reservas e montou o trio ofensivo com Kenedy, Marcos Guilherme e Yuri Mamute - que voltava ao time depois de ter cumprido suspensão na derrota do último domingo para a Argentina.

O sistema não funcionou e a defesa peruana controlou o ataque brasileiro sem muitos problemas. Para piorar, o meia Gérson se machucou e teve de ser substituído por Nathan - que não tem a visão de jogo nem a facilidade do jogador do Fluminense para criar jogadas. E o Brasil foi para o intervalo com um constrangedor empate sem gols diante de uma equipe fraquíssima.

No intervalo, Alexandre Gallo resolveu voltar ao esquema original e colocou Thalles no lugar do meia Marcos Evangelista - recuando Marcos Guilherme para ajudar Nathan na criação. O time melhorou, o Peru cansou e a goleada foi construída sem muito esforço.

Nathan abriu o placar logo aos dois minutos, pegando um rebote na entrada da pequena área, e Thalles, com duas bombas de fora da área, colocou o placar em 3 a 0 antes dos 20 minutos. O corintiano Malcom, que havia entrado pouco antes no lugar de Yuri Mamute, fez o quarto gol aos 26 em uma linda jogada. Ele recebeu um lançamento de Kenedy, driblou o goleiro com uma "pedalada" e tocou de pé esquerdo para a rede. O placar foi fechado aos 37 pelo zagueiro Léo Pereira, que marcou de cabeça depois de cobrança de falta pela direita.

Neste sábado, no encerramento da competição, o Brasil enfrentará a Colômbia, novamente no estádio Centenário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.