Franck Fife/ AFP
Franck Fife/ AFP

Brasil é o país que mais exporta jogadores no mundo, aponta levantamento

País é seguido por França e Argentina, segundo ranking elaborado pelo Centro Internacional de Estudos Esportivos

EFE, EFE

20 de abril de 2020 | 21h54

O Brasil é o país que mais exporta jogadores de futebol no planeta, segundo estudo apresentado nesta segunda-feira pelo Observatório do Futebol do Centro Internacional de Estudos Esportivos (CIES).

De acordo com o ranking organizado pela entidade independente, que tem sede na Suíça, o pentacampeão mundial tem 1,6 mil representantes no exterior, neste ano, sendo que 74,6% deles, atuam em clubes de primeira divisão. Ao todo, foram analisados dados de 93 países, que contam com jogadores de 186 diferentes nações exportadoras.

Na segunda colocação, aparece a França, com 1.027 jogadores, com 74% atuando na elite de países estrangeiros. A Argentina fecha o 'top-3', com 972 atletas, 75,5% em equipes de primeira divisão. Na quarta colocação, está a Inglaterra, com 565 representantes (77,9% em divisões nacionais de elite), seguido pela Espanha, com 559 (78,5%).

De acordo com o Atlas das Migrações montado pelo Observatório do Futebol do CIES, Portugal é o principal destino dos jogadores brasileiros.

Tudo o que sabemos sobre:
futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.