Brasil estréia seu terceiro "endereço fixo" na Copa

A seleção brasileira faz nesta segunda-feira, a partir das 11h45 (horário de Brasília) seu primeiro treino na cidade de Bergisch Gladbach, que será seu terceiro endereço fixo durante a preparação para a Copa do Mundo.O time do técnico Carlos Alberto Parreira se instalou primeiro em Weggis, na Suíça, e depois passou por Königstein, na Alemanha. Eram duas cidades pequenas, se comparadas com Bergisch Gladbach, que tem 110 mil habitantes e se autodefine como um pólo cultural e industrial da região.A CBF até agora só divulgou a programação até sexta-feira, um dia depois da partida contra o Japão, em Dortmund, que encerra a participação da seleção no Grupo F. A expectativa, no entanto, é que a equipe permaneça na cidade, hospedada em um antigo castelo, até pelo menos o jogo das oitavas-de-final - se conseguir ao menos um empate contra o Japão e terminar em primeiro na chave, o Brasil joga essa partida novamente em Dortmund, no dia 27, terça-feira, às 12 horas (de Brasília).Para esta semana, estão previstos treinos apenas à tarde. Nesta segunda e na terça, serão realizados no SSG 90 Stadion, às 11h45 (de Brasília), e na quarta, às 11h15 (de Brasília), no Westfalenstadion, local da partida, em Dortmund. Mas, ao contrário das partidas anteriores, a seleção não se hospedará na cidade de jogo - permanecerá em Bergisch Gladbach.O Westfalenstadion não é de boa memória para a seleção brasileira: foi lá em, na Copa da 1974, a seleção treinada por Zagallo foi surpreendida pelo "Carrossel Holandês", liderado por Cruyff, e, derrotada por 2 a 0, perdeu a chance de disputar a final daquele Mundial, vencido pela anfitriã Alemanha Ocidental.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.