Brasil faz treino leve, mas Elano não aguenta até o fim

Meia ainda sente lesão na perna direita e é dúvida para jogo contra a Holanda pelas quartas

ANDRÉ CARDOSO, Agência Estado

29 de junho de 2010 | 13h00

Elano deixa o treino ainda sentindo a contusão sofrida durante o jogo contra a Costa do Marfim

JOHANNESBURGO - A seleção brasileira fez um treino leve nesta terça-feira, apenas com os jogadores que não foram titulares no jogo do dia anterior, contra o Chile. Mas o meia Elano não conseguiu aguentar até o final da atividade, mostrando que ainda não está completamente recuperado da forte pancada na perna direita que sofreu em 20 de junho, quando o Brasil enfrentou a Costa do Marfim. Dessa maneira, ele segue sendo dúvida para o duelo de sexta com a Holanda, assim como Felipe Melo e Júlio Baptista, que nem sequer participaram do trabalho no campo.

Veja também:

link Equilíbrio marca confronto Brasil x Holanda

mais imagens GALERIA: Brasil 3 x 0 Chile

especial CRONOLOGIA: Copa, dia a dia

tabela TABELA - Jogos | Classificação | Simulador

Apenas dez jogadores treinaram nesta quinta-feira, dentro das instalações do próprio Hotel The Fairway, onde a seleção brasileira está concentrada em Johannesburgo. Primeiro, eles foram para a academia. Depois, realizaram exercícios físicos no gramado do campo de golfe que fica no local. Enquanto isso, os 11 titulares do jogo contra o Chile se ocuparam com um trabalho de recuperação física após o desgaste do dia anterior. Já Felipe Melo e Júlio Baptista fizeram tratamento médico - ambos ainda se recuperam de contusão.

Elano estava entre os 10 jogadores que foram para o gramado treinar. Ele vinha fazendo os exercícios normalmente, junto com o restante do grupo, mas não aguentou nem 30 minutos - no total, o treino durou cerca de 1 hora. Ao deixar a atividade, o meia ficou conversando um bom tempo com o médico da seleção, José Luiz Runco. Depois, trocou a chuteira pelo tênis, falou rapidamente com o técnico Dunga e voltou cabisbaixo para o hotel.

O jogo contra a Holanda, pelas quartas de final da Copa, acontece apenas na sexta-feira, em Port Elizabeth. Assim, Elano ainda tem mais dois dias para conseguir se recuperar. Mas, pelo que foi visto no treino desta terça, ele dificilmente terá condições de jogar - seria desfalque pela terceira partida seguida da Copa. Felipe Melo e Júlio Baptista, com lesões no tornozelo esquerdo e joelho esquerdo, respectivamente, também são dúvidas para Dunga. Ramires levou o segundo amarelo contra o Chile e está suspenso da próxima partida.

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.