Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Brasil muda adversário e enfrentará Chile em novembro

Em preparação para a Copa, seleção brasileira vai jogar amistosos na América do Norte

AE, Agência Estado

18 de outubro de 2013 | 13h21

RIO - A CBF anunciou nesta sexta-feira que o Chile será um dos adversários da seleção brasileira nos dois amistosos que a equipe vai realizar no mês de novembro. A partida diante da seleção sul-americana, classificada para a Copa do Mundo de 2014, será disputada no dia 19, em Toronto, no Canadá, no Rodgers Centre, a partir das 22 horas (de Brasília). Inicialmente, o site da Fifa indicava que a seleção da Rússia seria uma das adversárias do Brasil nesta data. Nesta sexta, porém, a CBF confirmou o Chile como um dos oponentes da equipe dirigida por Luiz Felipe Scolari em novembro. Esta não será a primeira vez que a seleção brasileira vai enfrentar o Chile em 2013. Em abril, mas sem jogadores que atuavam fora do País, a equipe dirigida pelo técnico Luiz Felipe Scolari empatou por 2 a 2 em jogo disputado no Mineirão.  Antes de encarar o Chile, a seleção brasileira disputará outro amistoso na América do Norte.

No dia 16 de novembro, a equipe vai enfrentar Honduras em Miami, nos Estados Unidos, no Estádio Sun Life, às 22h30.  Após a vitória sobre a Zâmbia, na última terça-feira, em Pequim, Felipão revelou que pretende chamar para os dois amistosos de novembro "dois ou três" novos jogadores que pretende testar. Ele também já avisou que pretende chegar ao fim do ano com o grupo definido para a Copa. Assim, os amistosos contra Honduras e Chile terão importância extra para a seleção brasileira e, especialmente, para os jogadores que ainda lutam por uma vaga no Mundial de 2014. No próximo ano, antes da convocação para a Copa do Mundo, a seleção brasileira fará apenas um amistoso, contra a África do Sul, no dia 5 de março, em Johannesburgo, quando Felipão pretende ter a equipe pronta para a disputa do Mundial, que começará em 12 de junho.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção brasileiraChile

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.