Carlos Insaurriaga/GEB
Carlos Insaurriaga/GEB

Brasil-RS ganha com gol no final e complica o Juventude na Série B do Brasileiro

Equipe de Pelotas luta até os minutos finais e conquista importante resultado na briga para se afastar da zona de rebaixamento

O Estado de S.Paulo

02 Novembro 2018 | 00h28

O Brasil, de Pelotas (RS), levou a melhor nesta quinta-feira sobre o Juventude em confronto de clubes gaúchos pela 34.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo jogando no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), os visitantes venceram por 1 a 0, se afastaram da zona do rebaixamento e complicaram o rival.

Com 35 pontos, o Juventude ocupa a 17.ª colocação e segue dentro da zona da degola. O CRB é o primeiro time fora e tem a mesma pontuação, mas fica acima pelo número de vitórias (8 a 7). O Brasil-RS, agora com 40, deu uma respirada e se afastou das últimas posições. Mesmo assim, ainda não eliminou completamente o risco do descenso e ocupa o 15.º lugar.

A primeira etapa foi muito brigada, mas com poucas chances de gol. O jogo era disputado no meio de campo, com muito contato físico e faltas excessivas. Prova disso foi a substituição do lateral-esquerdo Neuton, do Juventude, com apenas 24 minutos de jogo porque o jogador já tinha cartão amarelo e seguia precisando intervir em lances no mano a mano.

As únicas grandes chances de movimentar o placar antes do intervalo foram do Juventude, em dois levantamentos para a área que Elias completou de cabeça, mas em ambas as ocasiões a bola saiu sem direção.

O segundo tempo parecia ter o mesmo desfecho do primeiro, mas tudo mudou aos 28 minutos, quando o técnico Rogério Zimmermann, do Brasil-RS, promoveu a entrada de Léo Bahia no lugar de Lourency. O atacante melhorou o poderio ofensivo do time visitante e, apenas cinco minutos depois de entrar, cortou um zagueiro e arriscou chute rasteiro de fora da área, superando o goleiro Douglas Silva e abrindo o placar.

Nos minutos finais, o Juventude tentou reagir, mas não teve organização tática para pressionar o adversário. Já nos acréscimos, o volante Lucas ainda perdeu a cabeça, agrediu o goleiro Marcelo Pitol com uma cotovelada e foi expulso, deixando a sua equipe com um a menos.

Os dois times voltam a campo na próxima terça-feira, pela 35.ª rodada da Série B. O Brasil-RS recebe o Vila Nova no estádio Bento Freitas, em Pelotas, enquanto que o Juventude vai ao estádio Rei Pelé, em Maceió, para enfrentar o CRB.

FICHA TÉCNICA

JUVENTUDE 0 x 1 BRASIL-RS

JUVENTUDE - Douglas Silva; Felipe Mattioni, Micael, Bonfim e Neuton (Matheus Bertotto); Rodrigo, Lucas, Gabriel Valentini (Caio Rangel), Denner e Hugo Sanches; Elias (Guilherme Queiroz). Técnico: Luiz Carlos Winck.

BRASIL-RS - Marcelo Pitol; Éder Sciola, Leandro Camilo, Heverton e Alex Ruan; Itaqui, Michel Schmoller (Sousa), Rafael Gava e Diego Miranda; Lourency (Léo Bahia) e Wallace Pernambucano (Michel). Técnico: Rogério Zimmermann.

GOL - Léo Bahia, aos 33 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Neuton (Juventude); Michel (Brasil-RS).

CARTÃO VERMELHO - Lucas (Juventude).

ÁRBITRO - Péricles Bassols Pegado Cortez (PE).

RENDA - R$ 52.460,00.

PÚBLICO - 5.661 pagantes (6.027 no total).

LOCAL - Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.