Enrique Castro-Mendivil/Retuers
Enrique Castro-Mendivil/Retuers

Brasil só empata, mas avança no Sul-Americano Sub-20

Time de Neymar sai na frente, mas cede o 1 a 1 no segundo tempo diante da Bolívia

AE, Agência Estado

23 de janeiro de 2011 | 16h39

MOQUEGUA - O Brasil empatou com a Bolívia por 1 a 1, na tarde deste domingo, em Moquegua, no Peru, pela terceira rodada do Sul-Americano Sub-20. Mesmo com o tropeço, a seleção brasileira já garantiu a classificação antecipada para o hexagonal final do campeonato.

Ao contrário do que aconteceu nas vitórias sobre Paraguai (4 a 2) e Colômbia (3 a 1), o Brasil teve dificuldade para enfrentar a Bolívia. Assim, só conseguiu empatar, mas manteve a liderança isolada do Grupo B do Sul-Americano, com sete pontos.

O Brasil volta a jogar na madrugada de quarta-feira, a partir da 0h10 (horário de Brasília), quando enfrenta o Equador, em Tacna, no fim da sua participação na primeira fase. Mas entrará em campo apenas para cumprir tabela, pois já está classificado.

Recuperado das dores no pé esquerdo, o meia Lucas foi escalado pelo técnico Ney Franco para enfrentar a Bolívia. Assim, a seleção teve força máxima, mantendo o esquema tático 4-3-3. Mas os atacantes do Brasil não estavam numa tarde muito inspirada.

Principal astro do time, o atacante Neymar não repetiu as apresentações anteriores, quando marcou quatro gols diante do Paraguai e um contra a Colômbia. Dessa vez, ele teve duas grandes chances de gol, ambas no segundo tempo, mas falhou na hora de concluir.

No primeiro tempo, o Brasil chegou a mandar duas bolas na trave, com Casemiro e Willian, antes de abrir o placar. O gol brasileiro saiu aos 40 minutos, quando Danilo cruzou para a área e Henrique chutou para marcar, contando com falha do goleiro boliviano.

Na segunda etapa, o domínio do jogo continuou sendo do Brasil, com chances perdidas e mais uma bola na trave, dessa vez com Juan. Aí, Rios aproveitou falha do zagueiro brasileiro Bruno Uvini e, num rápido contra-ataque aos 31 minutos, marcou o gol de empate boliviano.

O Brasil ainda mandou mais uma bola na trave, já aos 39 minutos, com o atacante Diego Maurício, mas não conseguiu marcar novamente, amargando um surpreendente empate com a Bolívia. Mas pôde, pelo menos, comemorar a classificação antecipada no Sul-Americano.

Veja também:

link Ney Franco lamenta 'incompetência' da seleção Sub-20

link 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.