Brasil só tem Neymar de atacante em eleição de seleção

SÃO PAULO - No mesmo evento em que confirmou Messi, Cristiano Ronaldo e Iniesta como finalistas da Bola de Ouro de 2012, a Fifa anunciou nesta manhã de quinta-feira, em São Paulo, os 15 atacantes que concorrerão a três lugares na seleção mundial do ano eleita pela entidade que controla o futebol mundial e pela Federação Internacional dos Jogadores Profissionais (FIFPro). Neymar é o único brasileiro a integrar deste grupo, sendo que Messi e Cristiano Ronaldo, como não poderia ser diferente, fazem parte desta lista.

ALMIR LEITE E PAULO FAVERO, Agência Estado

29 de novembro de 2012 | 13h01

Em um sinal claro da safra ruim de jogadores vivida pelo futebol brasileiro, Neymar foi também o único representante do País entre os atletas de característica ofensiva que concorrem a um lugar na seleção mundial de 2012. Isso pelo fato de que, na última segunda-feira, a Fifa anunciou uma lista de 15 meio-campistas indicados a outros três lugares nesta seleção e nenhum deles é brasileiro.

A Argentina, por exemplo, está representada nesta disputa de atacantes por Messi, astro do Barcelona, e Agüero, do Manchester City, enquanto o Uruguai conta com Luis Suárez, do Liverpool, e Cavani, do Napoli, indicados como outros jogadores sul-americanos que estão entre os 15 atacantes candidatos.

Já os outros candidatos, além de Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, a um lugar no ataque da seleção mundial anunciados nesta quinta foram os seguintes: o italiano Balotelli, do Manchester City; o francês Benzema, do Real Madrid; o marfinense Drogba, do Shanghai Shenhua, da China, e ex-Chelsea; o camaronês Eto''o, do Anzhi Makhachkala, da Rússia; o sueco Ibrahimovic, do Paris Saint-Germain; o holandês Van Persie, do Manchester United; e Wayne Rooney, também do United.

Com os 15 atacantes anunciados nesta quinta, a listagem total de 55 concorrentes a 11 lugares na seleção mundial de 2012 ficou completa. Antes, além dos 15 meio-campistas, foram anunciados outros 20 defensores e cinco goleiros.

A seleção mundial terá os seus 11 nomes revelados na cerimônia de gala da Bola de Ouro da Fifa, em 7 janeiro de 2013, quando será conhecido o vencedor do prêmio de melhor jogador do mundo de 2012. A seleção terá a presença de um goleiro, quatro defensores, três meio-campistas e três atacantes, sendo que eles serão eleitos em um pleito que contará com a participação de mais de 50 mil jogadores filiados às organizações que formam a FIFPro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção mundialFifaNeymar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.