Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Brasil sofre, mas estréia com vitória no Sul-Americano sub-20

A seleção brasileira mostrou que ainda precisa melhorar muito para passar confiança ao torcedor na busca por uma vaga à Olimpíada de 2008. Neste domingo, o time foi muito irregular na vitória por 4 a 2 sobre o Chile, na estréia das duas equipes pelo Grupo A do Campeonato Sul-Americano sub-20, em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, que garante classificação ao campeão e ao vice no torneio de futebol em Pequim.O placar elástico não reflete o que foi o jogo. Sobretudo no primeiro tempo, em que a seleção brasileira esteve apática e só assistiu ao rival jogar. A única chance de gol criada foi uma cabeçada do ex-são-paulino Edgar na trave. O Chile encarou os brasileiros sem medo e dominou as ações. Foi premiado numa arrancada do volante Isla, que passou por Thiago Heleno, ganhou na corrida de Lucas e tocou na saída de Muriel, aos 28 minutos: 1 a 0.A bronca do técnico Nelson Rodrigues no time brasileiro durante o intervalo deve ter sido grande. E boa. Com menos de quarenta segundos da segunda etapa, o Brasil criou a primeira boa jogada por baixo e foi eficiente ao extremo. Leandro Lima avançou pela direita, invadiu a área e bateu cruzado, sem chance de defesa para Leyton. Logo em seguida, Fabiano Oliveira recebeu de Willian e acertou a trave. O atacante do Flamengo voltou a carimbar o poste numa cobrança de falta.A virada brasileira não demorou a acontecer. Aos 18, Leandro Lima recebeu de Lucas, passou por dois zagueiros e soltou uma bomba de esquerda, que bateu na trave antes de entrar: golaço.De repente, o jogo ficou fácil. Aos 26, Willian foi à linha de fundo e cruzou para Alexandre Pato, que entrara no lugar do apagado Edgar, tocar de letra, com enorme categoria.O Chile ameaçou dificultar a vitória brasileira, descontando com Sánchez, dois minutos depois. Porém, aos 31, Carlinhos cruzou na medida para Alexandre Pato cabecear certeiro e recolocar dois gols de vantagem.No outro jogo da chave, Paraguai e Bolívia empataram por 0 a 0. O Brasil volta a campo na terça-feira, às 23 horas (de Brasília), contra o Peru. O Chile enfrenta o Paraguai no jogo de abertura da rodada.Ficha técnica:Brasil 4 x 2 ChileBrasil: Muriel; Amaral, Eliezio, Thiago Heleno e Carlinhos;Roberto (Fernando), Lucas, Leandro Lima (Danilinho) e Willian; Fabiano Oliveira e Edgar (Alexandre Pato). Técnico: Nélson Rodrigues.Chile: Leyton; Martínez , Larrondo e Suárez; Currimilla (Flores), Isla, Medel (Sepulvera), Vidal e Carmona; Sánchez e Medina (Vidangossy). Técnico: J. Sulantay.Gols: Isla, aos 38 minutos do primeiro tempo; Leandro Lima, aos 40 segundos e aos 20 minutos, Alexandre Pato, aos 26, Sánchez, aos 28, e Alexandre Pato, aos 31 minutos do segundo tempo. Cartões amarelos: Eliezio, Suarez, Thiago Heleno, Danilinho e Vidal. Árbitro: Sergio Pezzotta (ARG). Local: Estádio 2 de Mayo, em Pedro Juan Caballero (Paraguai).

Agencia Estado,

07 de janeiro de 2007 | 22h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.