Brasil tem concorrente para Copa de 2014

A CBF tinha certeza absoluta de que o Brasil seria candidato único à organização da Copa do Mundo de 2014. Fifa e Conmebol garantiram ao presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Ricardo Teixeira, que o Brasil seria eleito por unanimidade. Mas Joseph Blatter, presidente da Fifa, mudou o discurso e passou a incentivar a candidatura conjunta de Chile e Argentina.Blatter teve duas reuniões na África do Sul com o senador chileno Jaime Naranjo, do Partido Socialista, aliado do governo do Chile. Nos encontros, o presidente da Fifa incentivou Naranjo a trabalhar com a Argentina para lançar a candidatura conjunta.?O Blatter me disse para seguirmos adiante com a postulação?, revelou Naranjo à imprensa chilena.O presidente da Fifa, adiantou o senador chileno, disse que a candidatura do Brasil não exclui outras postulações de países sul-americanos. Blatter abriu as eleições e não deu preferência nem mesmo ao Brasil. A única garantia é que o Mundial de 2014 será na América do Sul. A última Copa realizada no continente foi na Argentina, em 1978. O Chile organizou em 62 e o Brasil em 1950.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.