Brasil termina 2010 em quarto lugar no ranking da Fifa

Derrotada pela Argentina no último amistoso, seleção perdeu uma posição e soma 1.446 pontos

AE, Agência Estado

15 de dezembro de 2010 | 10h11

A seleção brasileira terminou o ano de 2010 em quarto lugar no ranking da Fifa, atualizado nesta quarta-feira. Eliminada nas quartas de final da Copa do Mundo da África do Sul e derrotada pela Argentina em seu último amistoso, a equipe perdeu uma posição neste mês e soma 1.446 pontos.

A Espanha, atual campeã da Copa do Mundo e da Eurocopa, segue na dianteira do ranking da Fifa, com 1.887 pontos. Assim, a equipe encerra o terceiro ano seguido como a melhor seleção do mundo. Os espanhóis são seguidos pela Holanda, que está com 1.723, e foi derrotada na decisão do Mundial da África do Sul.

A Alemanha, que terminou a Copa do Mundo em terceiro lugar, subiu uma posição e está exatamente na terceira posição no ranking da Fifa depois de ultrapassar o Brasil, com 1.485 pontos. Algoz da seleção brasileira em amistoso disputado no dia 17 de novembro, a Argentina está logo atrás da seleção, com 1.338 pontos.

Os argentinos são seguidos pelas seleções de Inglaterra, Uruguai e Portugal. Já a seleção do Egito, campeã da Copa Africana de Nações neste ano, subiu uma posição e está em nono lugar. A equipe ultrapassou a seleção da Croácia, que caiu uma posição e fecha o Top 10 do ranking da Fifa.

Com desempenho pífio na Copa do Mundo, Itália e França terminaram o ano longe das dez melhores seleções do Mundo. Os italianos aparecem na 14ª posição e os franceses estão na 18ª colocação.

Ranking da Fifa, 15/12:

1) Espanha, 1.887 pontos

2) Holanda, 1.723

3) Alemanha, 1.485

4) Brasil, 1.446

5) Argentina, 1.338

6) Inglaterra, 1.195

7) Uruguai, 1.152

8) Portugal, 1.090

9) Egito, 1.078

10) Croácia, 1.075

11) Grécia, 1.016

12) Noruega, 995

13) Rússia, 982

14) Itália, 965

15) Chile, 950

16) Gana, 908

17) Eslovênia, 897

18) Estados Unidos, 867

19) França, 867

20) Eslováquia, 854

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.