Rubens Chiri/Divulgação
Rubens Chiri/Divulgação

Quem são os 'craques' do seu time? As apostas dos técnicos no torneio?

Conheça os 'condenados' a carregar suas equipes nas costas

O Estado de S. Paulo

08 de setembro de 2015 | 09h29

Nas dez próximas rodadas do Campeonato Brasileiro, e em sua sequência, o torcedor espera que o 'craque' de seu time apareça, resolva algumas situações de campo e que, sim, carregue a equipe nas costas para posições melhores. Quem luta pelo título, aposta nesse jogador para a arrancada final. O grupo dos que sonham com uma das quatro vagas na Libertadores do ano que vem aposta tudo no talento desse atleta, que pode ser um homem de meio ou do ataque, até mesmo nas boas defesas de seu arqueiro e na condição técnica que ele possa ter com a bola nos pés, como Rogério Ceni. Há também os clubes que se apegam ao bom jogador para ajudá-los a sair do buraco. São os times que estão ameaçados de cair e de amargar a Sérier B na próxima temporada. Mas quem são esses prováveis salvadores? É possível que os times tenham mais de um? O Estadão aponta alguns deles por clube. Veja:

1 - Ganso, Luis Fabiano e Rogério Ceni

Esse tripé sustenta o São Paulo, ou deveria. Juntos, deviam fazem a diferença em campo nesse Brasileirão. Dos três, apenas Ceni cumpre com regularidade a missão. Ganso alterna razoáveis apresentações com partidas em que ele some de campo. Desde o começo da disputa, é cobrado pelo torcedor, que sabe das suas qualidades e espera que elas apareçam. Luis Fabiano tem enfrentado uma série de problemas musculares e não consegue emplacar uma sequência. Também anda chateado pela falta de interesse do clube em sua renovação. O fato é que esses jogadores têm condições de levar o São Paulo mais longe.

2 - Barrios e Gabriel Jesus

O paraguaio Lucas Barrios está sendo preparado para ser o 'cara' no Palmeiras. O clube pagou R$ 40 milhões em sua contratação e aposta alto no atacante ainda neste ano. Barrios ainda não é o que se esperava dele, mas já demonstrou que pode ser. Grandalhão, tem presença de área e sabe 'esconder' a bola dos adversários. O Palmeiras também confia demais no talento, e gols, de Gabriel Jesus. O garoto de 18 anos já é ídolo no clube. Nasceu na Academia e veste a camisa do time com orgulho. É dele que se espera nessa caminhada.

3 - Lucas Lima e Ricardo Oliveira

O Santos tem uma série de bons jogadores do meio para frente, mas dois deles se destacam. Lucas Lima é o motorzinho do time da Vila. Corre por todos os setores do campo sem perder a qualidade técnica e a visão de jogo. Tomara não volte da seleção 'estragado', como já aconteceu com outros jogadores. De quebra, o Santos tem o artilheiro do Brasileiro, Ricardo Oliveira. Experiente, o jogador tem ajudado o time a fazer os gols que precisa. E pode fazer mais. Conhece os atalhos e tem faro de artilheiro.

4 - Renato Augusto, Elias, Jadson

Embora Tite procure um atacante que marque os gols do time, como Love e Malcom, é do meio de campo do Corinthians que se espera sua força para continuar na liderança da competição. O trio formado por Renato Augusto, Elias e Jadson dá o tom da equipe. Tem sido assim desde a primeira rodada, com poucos altos e baixos. A regularidade é a característica desses jogadores. O torcedor já sacou isso. Eles sabem também que o time precisa dessa qualidade. A defesa também ajuda demais o Corinthians. Gil e Felipe são sólidos.

5 - Emerson, Guerrero e Alan Patrick

A dupla que veio do Corinthians, Emerson e Guerrero, ainda é a maior esperança de sucesso do Flamengo. Eles têm respondido bem à cobranças e ajudado o time de Oswaldo de Oliveira a subir na tabela. Alan Patrick tem feito bom trabalho rodando no meio de campo e ganha a confiança da torcida. Juntos, são cobrados para carregar o Fla para mais alto, quem sabe para beliscar uma vaga da Libertadores.

6 - Ronaldinho Gaúcho e Fred

Eles estão devendo. Ficaram fora de algumas partidas por lesões e gripe e agora precisam responder em campo. Sem eles, o Fluminense perdeu posições e se afastou do grupo do alto do Nacional. Ronaldinho foi contratado para dar talento ao meio de campo, inventar, ser decisivo. Treina separado para ganhar forma e ser esse cara. Fred é o atacante e 'presidente' da equipe no vestiário. É dele que se espera gol e coragem.

7 - Diego Souza e Marlone

Quando essa dupla vai bem, o Sport ganha jogos. O técnico Eduardo Baptista aposta tudo em seus melhores jogadores para que o Sport continue na briga com os gigantes do Brasileirão, e não perca a chance de se colocar entre eles.

8 - Lucas Pratto      

O Atlético-MG persegue o líder Corinthians com bons jogadores no elenco. Não à toa, comandou o Nacional com boas apresentações e vitórias. Mas é imegável que o homem decisivo desse time é o argentino Lucas Pratto, um autêntico fazedor de gols.

9 - Jorge Henrique e Nenê

A dupla chegou ao Vasco com a missão de salvar o clube da Segundona. Ainda não funcionou, mas é inegável que é diante dos dois atacantes que Jorginho se ajoelha para pedir ajudar. O Vasco é o lanterna da competição e só faz perder. Os reforços são as maiores apostas de sucesso do time. Eles vão precisar correr muito para tirar a equipe do buraco.

10 - Willian

Já que desembestou a fazer gols na partida contra o Figueirense, quatro ao todo, o atacante Willian, ex-Corinthians, virou o talismã do Cruzeiro, agora sob o comando de Mano Menezes. O jogador ganhou confiança e agora passou a ter o nome gritado pela torcida em Minas. Salvar o time do descenso é sua missão.

11 - D'Alessandro e Valdivia

O inter confia em D'Alessandro e Valdivia para acabar com a irregularidade da equipe. O Inter, agora nas mãos de Fucks (Argel), alterna altos e baixos desde o começo da disputa. O torcedor do Beira-Rio espera que eles sustentem o time de agora em diante e consigam ajudar na retomada. O Inter é apenjas 11º na tabela.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.