Brasileirão tem novo líder, Vettel vence de novo e Palmeiras perde invencibilidade

Cruzeiro reassumiu a ponta após vencer a Ponte; alemão vence a quinta corrida em 2013

DIEGO SALGADO, O Estado de S. Paulo

26 de agosto de 2013 | 08h30

SÃO PAULO - Novo líder no Campeonato Brasileiro, derrota palmeirense na série B após longa invencibilidade, vitória são-paulina após 12 jogos sem vencer no Brasileirão, Neymar novamente no banco de reservas, Paulinho melhor em campo na partida do Tottenham no campeonato inglês, Vettel no topo do pódio novamente, derrota brasileira no basquete marculino e mortes de dois campeões mundiais pela seleção brasileira. Confira o resumo dos principais fatos no esporte deste fim de semana.

CAMPEONATO BRASILEIRO

A liderança do Brasileirão tem novo dono: o Cruzeiro, que venceu a Ponte Preta fora de casa por 2 a 0 e contou com a derrota do Botafogo diante do Atlético-PR. O Corinthians saiu do G-4 ao empatar com o Vasco em 1 a 1. Já o São Paulo desencantou e bateu o Fluminense por 2 a 1 no Morumbi lotado.

SÃO PAULO X FLUMINENSE

O São Paulo voltou a conquistar três pontos no Campeonato Brasileiro após ficar 12 partidas sem vencer no torneio. No total, foram sete derrotas e cinco empates. O time bateu o Fluminense por 2 a 1, no Morumbi, que recebeu mais de 55 mil pessoas. Luis Fabiano também desencantou e abriu o placar. Reinaldo aumentou ainda na primeira etapa. Eduardo descontou nos acréscimos do segundo tempo. O time de Paulo Autuori, contudo, ainda ocupa a 18.ª posição na tabela.

VASCO X CORINTHIANS

No jogo disputado no Estádio Mané Garrincha, o Corinthians saiu na frente, com o atacante Guerrero, logo aos três minutos da primeira etapa. Douglas, logo depois, teve a chance de fazer 2 a 0, mas acertou o travessão vascaíno. No segundo tempo, o time carioca jogou melhor, com a entrada de Willie no lugar de Wendel, e chegou ao empate com André. Marlone perdeu duas chances claras de gol e a partida terminou empatada em 1 a 1. Com o resultado, a equipe de Tite caiu para a quinta colocação. O Vasco é o 11.º colocado.

ATLÉTICO-PR X BOTAFOGO

Em Curitiba, o time paranaense manteve o bom momento e venceu o Botafogo, que estava na liderança do campeonato. Ederson marcou os dois gols da partida e chegou à artilharia do Brasileirão. O Atlético-PR não perde desde a 7.ª rodada, quando foi superado pelo rival Coritiba. São seis vitórias e três empates. O time é está na quarta posição.

FLAMENGO X GRÊMIO

No sábado, o Grêmio conseguiu se manter no G-4 ao bater o Flamengo por 1 a 0 em Brasília. Pará marcou, de falta, o gol da vitória. O time gaúcho, que está na terceira colocação, chegou à quarta vitória consecutiva no campeonato. Já o Flamengo não vence há quatro jogos e ocupa o 14.º lugar.

PONTE PRETA X CRUZEIRO

O time do técnico Marcelo Oliveira voltou à primeira posição do Brasileirão no sábado, após vencer a Ponte Preta fora da casa. Dedé marcou de cabeça aos 22 minutos do primeiro tempo. Borges ampliou na etapa complementar. A Ponte Preta continua na zona de rebaixamento, com 17 pontos.

SANTOS X VITÓRIA

Com gols de Gabriel e Cícero, o Santos não teve dificuldade para vencer o Vitória na Vila Belmiro e chegar aos 19 pontos no Brasileirão. O time, que ocupa hoje o 13.º lugar, tem dois jogos a menos em relação à maioria das equipes --jogará contra Inter (fora) e Náutico (em casa).

DEMAIS JOGOS

Atlético-MG venceu a Portuguesa de virada no Independência, em Belo Horizonte. Bruno Henrique abriu o placar. Tardelli descontou no segundo tempo e Dátolo marcou a dois minutos do fim. Já o Bahia voltou à rota de vitórias após derrotar o Náutico por 2 a 0, na Fonte Nova. O Internacional saiu na frente contra o Goiás, em Novo Hamburgo, sofreu três gols e chegou ao empate com Leandro Damião, nos minutos finais de jogo. No sábado, o Criciúma bateu o Coritiba, que novamente não teve Alex. Fabinho, de bicicleta, marcou o gol da vitória.

SÉRIE B

O Palmeiras perdeu a invencibilidade de 11 partidas na série B. O time de Gilson Kleina foi derrotado pelo Boa ESporte por 1 a 0, em Varginha. O líder do campeonato, porém, teve sorte. A Chapecoense, segunda colocada, também foi derrotada (pelo Bragantino, por 1 a 0, fora de casa). O Palmeiras tem 40 pontos e o time catarinense fica com 36, com um jogo a menos. Sport e Paraná têm 30 e fecham o G-4.

FUTEBOL EUROPEU

O Barcelona, sem Messi, sofreu para vencer o Málaga por 1 a 0 fora de casa. Neymar jogou por 29 minutos. Coube ao brasileiro Adriano marcar de fora da área o gol da vitória. O time de Gerardo Martino é o líder do campeonato após duas rodadas. O Real Madrid joga nesta segunda contra o Granada. Na Premier League, o Manchester City foi surpreendido e acabou derrotado pelo Cardiff. Chelsea, Liverpool e Tottenham estão no topo da tabela, com seis pontos. Paulinho foi omelhor em campo na vitória do Tottenham diante do Swansea. O Manchester United enfrenta o Chelsea nesta segunad-feira.

Já o Milan, no campeonato Italiano, foi derrotado pelo Verona, por 2 a 1, com dois gols de Luca Toni, na primeira rodada. Napoli, Inter, Roma, Lazio e Juventus venceram suas partidas. No francês, o Paris Saint-Germain conseguiu vencer pela primeira vez, após três rodadas. O atual campeão nacional bateu o Nantes por 2 a 1. O Olympique lidera o campeonato, com nove pontos.

FÓRMULA 1

Sebastian Vettel venceu o GP da Bélgica, no Circuito de Spa-Francorchamps, e disparou na liderança da Fórmula 1. O alemão superou o pole Lewis Hamilton na primeira volta e seguiu tranquilo para a quinta vitória na temporada. Fernando Alomso cruzou a linha de chegada em segundo. Hamilton foi o terceiro. O brasileiro Felipe Massa terminou em sétimo. Vettel chegou aos 197 pontos após 11 etapas do Mundial. Alonso foi a 151. O inglês da Mercedes tem 139.

ÍDOLOS DEIXAM SAUDADES

Nilton De Sordi, lateral-direito da seleção brasileira em cinco partidas da Copa do Mundo de 1958 morreu no sábado, em Bandeirantes, no Paraná, em decorrência de falência múltiplas dos órgãos. O ex-jogador, que defendeu o São Paulo por 12 anos, tinha 82 anos. Neste domingo, Gylmar dos Santos Neves, bicampeão mundial com a seleção (em 1958 e 1962) e com o Santos (em 1962 e 1963) faleceu em São Paulo. O goleiro, que havia sofrido um enfarte na última semana, também vestiu a camisa do Corinthians entre 1951 e 1961.

BASQUETE

A seleção brasileira masculina de basquete foi derrotada pela segunda vez na Copa Tuto Marchand, em San Juan (Porto Rico). Os donos da casa venceram por 84 a 81, em jogo válido pela quarta rodada do pentagonal. o time de Ruben Magnano não tem mais chances de conquistar o tetracampeonato.

Tudo o que sabemos sobre:
Brasileirãofutebolbasquete

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.