Arquivo/AE - 17/11/2007
Arquivo/AE - 17/11/2007

Brasileiro Adriano não se apresenta à Roma e pode ser dispensado

Rompimento do contrato com o atacante seria exigência do comprador do time, diz jornal italiano

AE, Agência Estado

27 de fevereiro de 2011 | 17h31

ROMA - O atacante Adriano não cumpriu o acordo que tinha com a Roma e não se apresentou à sua equipe neste domingo, conforme havia combinado. A ausência foi comunicada pelo cartola do clube Giampaolo Montali.

O dirigente não excluiu a possibilidade de o contrato do brasileiro com a Roma ser rescindido. Sobre a possibilidade de aplicar uma multa em Adriano, Montali comentou: "Não é uma questão de multa, já demos uma altíssima pra ele, que dá até vergonha de dizer o valor".

Adriano voltou para a capital italiana na quinta-feira, com dois dias de atraso. "Estamos tentando tratar de cuidar dele sob todos os pontos de vistas, porque ele precisava ser ajudado. Agora é um problema apenas profissional. Quanto a isso, é absolutamente indefensável", afirmou, falando à Sky Sports.

De acordo com o jornal italiano Corriere dello Sport, o futuro do atacante dependia dos testes físicos que ele realizaria neste domingo. Segundo o diário romano, o grupo bancário que está comprando a Roma exigiu que o contrato de Adriano fosse rompido.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAdrianoRoma

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.