Kimm Hee Chul/Efe
Kimm Hee Chul/Efe

Brasileiro imita comemoração de Cristiano Ronaldo em amistoso com a Juventus

Cesinha celebra ao estilo de português em partida disputada na capital da Coreia do Sul

Redação, Estadão Conteúdo

26 de julho de 2019 | 13h00

A Juventus encerrou nesta sexta-feira a sua sequência de amistosos de pré-temporada pela Ásia. Em Seul, na Coreia do Sul, a equipe italiana enfrentou o K-League Team, uma seleção com jogadores de todo o mundo que atuam no futebol sul-coreano, e ficou no empate por 3 a 3. Com um time misto escalado pelo técnico Maurizio Sarri, o craque português Cristiano Ronaldo foi poupado e ficou os 90 minutos no banco de reservas.

De lá, o atacante viu uma cena curiosa. No final do primeiro tempo, com o jogo empatado por 1 a 1, o atacante brasileiro Cesinha, que teve passagens por Corinthians e Atlético-MG, marcou o segundo para o selecionado sul-coreano e chamou os companheiros para imitar a comemoração na qual Cristiano Ronaldo realiza um salto giratório e solta um grito. No final, ele apontou para o banco de reservas apontando para o português.

As câmeras da transmissão de TV conseguiram mostrar a reação de Cristiano Ronaldo no momento, que foi de um tímido sorriso. Poucos minutos depois, no intervalo, os dois foram filmados conversando animadamente a caminho do vestiário.

Em campo, os gols da Juventus, que chegou a estar perdendo por 3 a 1 até os 33 minutos do segundo tempo, foram marcados por Simone Muratore, Blaise Matuidi e Matheus Pereira, que jogou no Corinthians. Além de Cesinha, que atua no Daegu, Adam Taggart e Osmar fizeram os gols do combinado sul-coreano.  

A partida marcou também a estreia do uniforme reserva da Juventus para a próxima temporada do futebol europeu. A camisa é branca, com detalhes em vermelho.

Depois de dois jogos na China e este na Coreia do Sul, a Juventus volta à Itália para a sequência da pré-temporada. O próximo amistoso será contra o Atlético de Madrid, no dia 10 de agosto, na Friends Arena, em Solna, na Suécia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.