Divulgação
Divulgação

Brasileiro naturalizado italiano não joga mais pela Sampdoria em 2015

Atacante Éder foi diagnosticado com uma lesão no joelho esquerdo

Estadão Conteúdo

27 de abril de 2015 | 14h57

O atacante Éder, brasileiro naturalizado italiano, vai desfalcar a Sampdoria nesta reta final da temporada europeia. O jogador, chamado para a seleção europeia pela primeira vez neste ano, sofreu uma lesão no joelho esquerdo e não terá mais condições de ajudar sua equipe a brigar por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Revelado pelo Criciúma, o catarinense teve constatada nesta segunda-feira uma distensão no ligamento colateral do joelho. O problema físico vai custar algumas semanas de recuperação, o que deixará Éder fora de combate até os últimos jogos da Sampdoria no Campeonato Italiano.

O atacante se machucou durante a derrota para o Napoli, por 4 a 2, no domingo. O revés deixou o time de Gênova na quinta colocação da tabela, com 50 pontos. Somente os três primeiros entram na Liga dos Campeões - a Roma ocupa o terceiro posto, com 58.

Éder, de 28 anos, vem se destacando no futebol italiano nos últimos anos. Naturalizado, acabou ganhando uma chance na seleção do técnico Antonio Conte no início deste ano. E logo em sua estreia o atacante marcou seu primeiro gol com a camisa italiana, no empate por 2 a 2 com a Bulgária, pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2016.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.