Paulo Duarte/AP
Paulo Duarte/AP

Brasileiros dão vitória ao Porto contra o Shakthar Donetsk na Liga dos Campeões

Hulk e Kleber fizeram os gols do time português e Luiz Adriano marcou o da equipe ucraniana

AE, Agência Estado

13 de setembro de 2011 | 18h04

Em um jogo iniciado com dez jogadores nascidos no Brasil, quase todos meias ou atacantes, nada mais normal que todos os gols da partida fossem marcados por brasileiros. Nesta terça-feira, na abertura do Grupo G da Liga dos Campeões, o Porto, jogando em casa, venceu o Shakhtar Donetsk por 2 a 1, com gols de Hulk e Kléber. Luiz Adriano fez o gol dos ucranianos. No outro jogo da chave, os brasileiros Manduca e Ailton definiram a vitória do APOEL sobre o Zenit, também por 2 a 1, no Chipre.

Quem abriu o placar no estádio do Dragão foi Luiz Adriano, ex-atacante do Internacional, logo aos 12 minutos da primeira etapa. O empate do Porto veio num golaço de falta do atacante Hulk.

Jogador revelado pelo Atlético-MG, Kleber virou o jogo para o Porto aos 6 da segunda etapa, recebendo passe de James Rodríguez. Jogando com um a menos desde os 40 minutos do primeiro tempo, o Shakhtar tinha dificuldades em buscar o empate e viu a situação ficar ainda pior quando Chygrynsky também levou o vermelho e foi fazer companhia a Rakitskiy no vestiário.

Titular da seleção brasileira, Fernandinho ficou em campo durante os 90 minutos de jogo pelo time ucraniano, que também teve Jadson, Willian, Eduardo da Silva (naturalizado croata) e Alex Teixeira. O Porto, além de Kléber e Hulk, contou com Maicon, Helton e Fernando.

MAIS BRASILEIROS - No Chipre, o Zenit abriu o placar contra o APOEL com Zyryanov, aos 18 minutos do segundo tempo. O time russo mal teve tempo de comemorar. Aos 28, o atacante Manduca, brasileiro revelado pelo Grêmio, mas que joga na Europa há 12 anos, deixou tudo igual. Dois minutos depois, Ailton, ex-Atlético-MG, fez o gol da vitória dos cipriotas.

O time do Chipre teve outros três brasileiros entre os titulares: Marcelo Oliveira, William Boaventura e Marcinho.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPortoLiga dos CampeõesHulk

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.