Brasiliense e América-RN ficam no empate sem gols

Partida em Taguatinga foi ruim e o time do Rio Grande do Norte segue perto da zona de rebaixamento

Agencia Estado

16 de setembro de 2009 | 00h09

Num jogo sem graça, Brasiliense e América-RN ficaram no empate por 0 a 0 nesta terça-feira à noite, no Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga, pela 24.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time candango, que vinha de derrota para o Juventude, por 2 a 0, fica com 31 pontos, em 11.º lugar. O time potiguar, com 28 pontos, está em 15.º na tabela.

Veja também:

Brasileirão Série B - tabela Classificação | lista Tabela

especialSÉRIE B - Leia mais sobre a competição

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O primeiro tempo foi muito ruim tecnicamente. O América entrou em campo visivelmente disposto a se fechar na defesa para explorar os contra-ataques. O Brasiliense, por sua vez, teve um ataque pouco inspirado, formado pelos veteranos Iranildo e Somália.

No segundo tempo, o visitante voltou melhor e quase abriu o placar aos oito minutos, quando Wilton Goiano mandou a bola na trave. Mas dois minutos depois, o zagueiro Edson Rocha cometeu falta violenta em Edinho e acabou expulso, deixando o América em desvantagem numérica.

O técnico Reinaldo Gueldini ainda tentou dar mais força ao Brasiliense fazendo três mudanças, mas o time não melhorou. Com um a menos, o América preferiu segurar o empate e garantir mais um ponto fora de casa, que pode ser importante na luta contra o rebaixamento.

No final de semana, pela 25.ª rodada da Série B, o Brasiliense vai enfrentar o Bahia, sexta-feira à noite, em Salvador. Já no sábado, a partir das 16h10, o América recebe o ameaçado Duque de Caxias.

BRASILIENSE 0 X 0 AMÉRICA-RN

Brasiliense - Osmair; Júlio César, Moacri, Ailson e Edinho; César Gaúcho, Pedro Ayub, Thiaguinho (Lúcio Flávio) e Maninho (Thiago Félix); Iranildo e Somália (Gustavo). Técnico: Reinaldo Gueldini

América-RN - Weverton; Vanderlei (Júlio III), Edson Rocha e Adalberto; Wilton Goiano, Jackson, Ricardo Oliveira, Guaru (Somália) e Thoni; Max e André Luís (Helinho). Técnico: Roberto Fonseca

Cartões amarelos - Moacri, Lúcio Flávio e Gustavo (Brasiliense); Jackson (América-RN)

Cartão vermelho - Edson Rocha (América-RN)

Árbitro - Gutemberg de Paula Fonseca (RJ)

Local - Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga (DF)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.