Brasiliense na defesa por um empate

Três zagueiros e três volantes. Esta é a aposta do Brasiliense para segurar o Atlético Paranaense, nesta terça-feira, às 20h30, em Curitiba. Depois de perder para o Flamengo (3 a 2), na rodada passada, Joel Santana parece cada vez mais disposto a armar a equipe desta maneira daqui para frente.Contra os paranaenses, fica clara a intenção de retornar da Arena da Baixada com um pontinho. O treinador não tem muito o que fazer. Na semana passada, perdeu dois importantes jogadores: Iranildo e Alex Oliveira. O primeiro voltou a sentir dores na virilha e está vetado. O caso de Alex é ainda mais sério. Ele sofreu uma ruptura parcial do ligamento do joelho direito e só volta a jogar em 2006. Assim, Marcelinho Carioca será o único meia do time.O ex-corintiano, aliás, saiu em defesa de Joel Santana, que anda com a corda no pescoço há algumas rodadas. ?Ele é o menos culpado. Quem entra em campo são os jogadores. Do jeito que a coisa está, pode-se mudar dois, três treinadores e nada vai acontecer. Ninguém vai chegar aqui amanhã e fazer mágica?, disse.No ataque, Joel sacou Igor e apostará na experiência de Oséas. O atacante não joga desde o dia 10 de setembro, na derrota para o Fluminense (3 a 0), no Rio ? partida que foi anulada pelo STJD por ter sido arbitrada por Edílson Pereira de Carvalho ?, em razão de uma torção no tornozelo. Outra novidade estará na lateral-direita. André Luiz estréia justamente contra o ex-clube.

Agencia Estado,

10 de outubro de 2005 | 17h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.