Brasiliense recupera pontos no STJD em caso de doping

O presidente em exercício do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Virgilio Val, concedeu efeito suspensivo, nesta quinta-feira, e devolveu três pontos ao Brasiliense. O clube candango foi denunciado por conta do doping do zagueiro Cláudio Luiz, que atualmente defende o Náutico, na partida contra o Juventude, em 30 de maio, pela quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

AE, Agencia Estado

08 de outubro de 2009 | 19h06

O jogador tomou um remédio para dor de cabeça dado pelo massagista e acabou testando positivo no exame após o jogo. Em primeira instância, o atleta foi absolvido. Porém, o Brasiliense ficou sem os pontos da partida porque foi considerado culpado.

Nesta quinta, em função de que o Náutico não teria direito de defesa para o zagueiro Cláudio Luiz e também que o clube pernambucano não foi intimado para o julgamento, o caso acabou sendo adiado. Uma nova data será marcada.

O Brasiliense segue na 11.ª colocação da Série B, com 38 pontos. No próximo sábado, em casa, recebe o Guarani, vice-líder com 53, pela 29.ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.