Brasiliense vence, mas segue na zona de rebaixamento

Em jogo com sete gols e emoção até o último minuto, o Brasiliense venceu o América-RN, por 4 a 3, nesta sexta-feira, no Estádio Machadão, em Natal, pela 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Apesar da vitória, os visitantes, que não perdem há quatro jogos, estão na 18.ª colocação, com 20 pontos. Já o time potiguar caiu para a 15.ª posição, com 23.Mesmo jogando fora de casa, o Brasiliense surpreendeu e abriu 2 a 0 com Iranildo e Ailson, no primeiro tempo. Ainda na etapa inicial, Fábio Neves diminuiu e colocou o América no jogo. No segundo tempo, porém, o zagueiro Ailson, em noite inspirada, ampliou a vantagem, de cabeça. Os donos da casa, porém, não se entregaram e chegaram ao empate com gols de Fábio Neves e Robson. No final, quando o empate já era esperado, Fabinho decretou a vitória dos visitantes em cobrança de pênalti. Na próxima sexta-feira, às 20h30, o América-RN volta a campo para enfrentar a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. O Brasiliense joga contra o Ceará, nos mesmos dia e horário, no Estádio Serejão, em Taguatinga.Ficha técnica:América-RN 3 x 4 BrasilienseAmérica-RN - Fabiano; Maizena, Robson, Emerson e Vandinho (Aloísio); Luis Maranhão, Elias (Saulo), Daniel (Souza) e Fabio Neves; Cascata e Max. Técnico: Ruy Scarpino.Brasiliense - Guto; Paulo Ricardo, Junior Baiano, Ailson e Edu Silva; Coquinho, Marcinho, Iranildo (Jardel) e Thiago Félix; Adrianinho (Fabinho) e Juninho. Técnico: Reinaldo Gueldini.Gols - Iranildo, aos 20, Ailson, aos 23, e Fábio Neves, aos 43 minutos do 1.º tempo. Ailson, aos 15, Fábio Neves, aos 20, Robson, aos 31, e Fabinho (pênalti), aos 47 minutos do 2.º tempo.Cartões amarelos - Elias, Daniel, Max (América-RN); Coquinho, Iranildo e Edu Silva (Brasiliense).Cartão vermelho - Emerson (América-RN).Árbitro - Domingos de Jesus Viana Filho (PA).Renda - R$ 46.780,00.Público - 3.586 pagantes (5.785 no total).Local - Estádio Machadão, em Natal (RN).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.