Filipe Araújo/AE
Filipe Araújo/AE

Briga pela liderança agita a rodada do Brasileirão

Palmeiras e Inter entram em campo, a partir das 16 horas deste domingo, dispostos a terminar o dia na ponta

AE, Agência Estado

13 de setembro de 2009 | 08h02

O Campeonato Brasileiro já está na 24.ª rodada e a briga pela liderança está cada vez mais acirrada. E é isso o que se poderá ver neste domingo, quando serão realizadas sete partidas (todas com acompanhamento do estadao.com.br e ao vivo na rádio Eldorado/ESPN, a partir das 16 horas). Palmeiras e Internacional entram em campo dispostos a terminar o dia na ponta, mas têm desafios complicados pela frente.

Veja também:

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Líder com 44 pontos, o Palmeiras viaja até Salvador para enfrentar o Vitória. O time comandado por Muricy Ramalho sabe que a parada será indigesta na Bahia, ainda mais sem a presença do meia Diego Souza, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. A esperança de gols está depositada em Vágner Love, que faz sua segunda partida após a volta ao clube.

 OS JOGOS DA RODADA
 Domingo, 13 de setembro

 16 horas - Santos x Santo André documento 

 16 horas - Internacional x Cruzeiro documento 

 16 horas - Vitória x Palmeiras documento 

 16 horas - Atlético-MG x Atlético-PR documento 

 18h30 - Barueri x Goiás documento 

 18h30 - Náutico x Grêmio documento 

 18h30 - Botafogo x Fluminense documento 

 Quarta-feira, 16 de setembro

 21h50 - Coritiba x Corinthians

 Sábado, 12 de setembro

 São Paulo 2 x 0 Avaí documento

 Flamengo 3 x 0 Sport Recife documento

Com um ponto a menos que o rival, o vice-líder Internacional joga em casa, em Porto Alegre, mas também terá um duro adversário. Com a presença de praticamente todos os titulares - apenas o lateral-direito Bolívar não joga -, o time colorado enfrenta o Cruzeiro. O time mineiro, ainda sonhando com vaga na Libertadores, busca a reabilitação.

Sem chances de assumir a liderança, mas disposto a seguir no G-4 - grupo dos que estariam classificados à competição continental -, o Goiás quer se recuperar de um tropeço dentro de casa. Na Grande São Paulo, encara o Barueri e conta com o retorno do atacante Fernandão para conseguir os três pontos e evitar a aproximação dos rivais.

Na cola da equipe goiana - apenas dois pontos atrás (39 a 37) - está o Atlético Mineiro, que joga em casa contra o seu xará paranaense e quer dar sequência à volta da boa fase após a vitória na última rodada. O time de Curitiba não pode bobear sob o risco de ficar novamente ameaçado pelo rebaixamento.

DESESPERO

As outras três partidas deste domingo envolvem times desesperados para se livrarem da degola. No duelo mais tenebroso, Botafogo e Fluminense fazem o clássico carioca, no Engenhão. Ambos estão dentro da zona da degola e aproveitaram a semana livre para treinarem longe do Rio de Janeiro e se prepararem com mais tranquilidade.

No Recife, o Náutico enfrenta o Grêmio e não pode pensar em outra coisa a não ser na vitória para não voltar à zona de rebaixamento. O time gaúcho, ainda sem ganhar fora de Porto Alegre, tem boas lembranças do local do jogo - em 2005, conseguiu o acesso à Série A com uma vitória épica, que ficou conhecida como a "Batalha dos Aflitos".

Já em Santos, o Santo André tem a estreia do técnico Sérgio Soares, comandante da campanha do acesso no ano passado, como aposta para vencer o time comandado por Vanderlei Luxemburgo.

A rodada será fechada na próxima quarta-feira com Coritiba x Corinthians, em Curitiba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.