Brigando por título, Hamburgo e Leverkusen apenas empatam

Resultado é comemorado por Bayern de Munique e Werder Bremen, que se enfrentam neste domingo

Kevin Fylan, Reuters

09 de fevereiro de 2008 | 15h54

Bayer Leverkusen e Hamburgo empataram por 1 a 1 neste sábado pelo Campeonato Alemão, num resultado que certamente agradará o Bayern de Munique e o Werder Bremen, equipes que ocupam as duas primeiras posições na tabela de classificação, antes do duelo entre ambos neste domingo. Rafael van der Vaart abriu o placar para o Hamburgo, marcando seu décimo gol na temporada, mas um cabeceio preciso de Manuel Friedrich no segundo tempo garantiu um ponto para o time da casa. O resultado deixou os dois times em terceiro e quarto lugares, respectivamente, ambos com 34 pontos. O Bayern de Munique lidera o campeonato com 39 pontos, com o Werder em segundo com 36. Uma vitória do time bávaro no confronto de domingo no estádio Allianz Arena poderá deixá-lo com seis pontos de vantagem na liderança. O Schalke 04 também poderá se beneficiar neste domingo, se vencer o Borussia Dortmund fora de casa, resultado que deixará a equipe em terceiro lugar na tabela, com 35 pontos. Mais abaixo na tabela, o atual campeão Stuttgart perdeu por 3 a 1 em casa para o Hertha Berlim. Foi a décima derrota na temporada da equipe, que ocupa o modesto 10.º lugar. Marko Pantelic marcou duas vezes para o Hertha e Rafael marcou o terceiro da equipe, enquanto que o Stuttgart teve Matthieu Delpierre expulso aos 36 minutos da segunda etapa, ao receber o segundo cartão amarelo. O Hamburgo parecia que iria conquistar sua primeira vitória no Campeonato Alemão em cinco partidas ao pressionar o Leverkusen desde o início. O Leverkusen, que jogava sem boa parte de sua defesa devido a contusões e uma suspensão, quase tomou o primeiro gol aos 5 minutos de jogo, quando Van der Vaart deixou Ivica Olic livre para chutar para fora. O time da casa aos poucos tomou controle da partida mas num erro na defesa permitiu que o Hamburgo marcasse. Piotr Trochowski cruzou aparentemente sem perigo da direita mas Jan-Ingwer, Callsen-Bracker e Friedrich ficaram imóveis, olhando um para o outro em vez de tirar a bola da área. Van der Vaart agradeceu e apareceu para marcar. Van der Vaart teve outra boa chance no primeiro tempo quando cabeceou fraco para o gol. Aos 15 minutos da segunda etapa, o Leverkusen finalmente ganhou sua recompensa por se manter no ataque. Tranquillo Barnetta bateu o escanteio e Friedrich apareceu para marcar de cabeça, vencendo o goleiro Frank Rost.

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato Alemão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.