Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Bruno Henrique elogia Colo-Colo e alerta para jogo difícil na Libertadores

Meia do Palmeiras descarta favoritismo e cita campanha positiva do adversário nas quartas de final

O Estado de S. Paulo

19 de setembro de 2018 | 11h00

O meia Bruno Henrique, do Palmeiras, afirmou nesta terça-feira que a equipe entrará em campo em Santiago, na quinta-feira, longe de se sentir favorita na Copa Libertadores. O jogador explicou que apesar de a equipe paulista ter feito a melhor campanha da fase de grupos e o Colo-Colo ter avançado ao mata-mata com os piores resultados, o confronto será muito equilibrado.

"Sabemos que será um jogo bastante complicado. O Colo-Colo é o atual campeão chileno e vem mostrando a sua força na competição. É um time que chegou nesta fase da Libertadores com méritos e nós sabemos que será um jogo muito difícil. Estamos trabalhando muito focados esta semana e esperamos fazer um grande jogo", disse o jogador do Palmeiras.

Na atual edição da Libertadores, nenhum outro jogador do clube foi eleito tantas vezes o melhor jogadores em campo como Bruno Henrique. Presente em seis dos oito jogos do Palmeiras, cinco deles como titular, o meia foi premiado pela organização do torneio sul-americano três vezes: nas vitórias sobre o Júnior Barranquilla, na Colômbia, e Boca Juniors, na Argentina, e mais a derrota para o Cerro Porteño, no Allianz Parque.

Bruno Henrique já disputou 50 jogos em 2018, marcou 11 gols e deu três assistências. O Palmeiras chegou ao Chile na noite desta terça-feira e na tarde de quarta faz o último treino antes da partida de ida das quartas de final de competição.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.