Bruno Rodrigo pede para Cruzeiro se impor contra CSA na Copa do Brasil

Estreia do clube mineiro na competição acontece na próxima quarta-feira

AE, Agência Estado

08 de abril de 2013 | 16h21

BELO HORIZONTE - Dono de quatro títulos da Copa do Brasil, o Cruzeiro inicia na próxima quarta-feira nova participação no torneio nacional com o objetivo de repetir as conquistas de 1993, 1996, 2000 e 2003. Para a estreia contra o CSA, quarta-feira, em Maceió, no Rei Pelé, o zagueiro Bruno Rodrigo ressalta a necessidade do time se impor para não ser surpreendido.

"Acho que o Cruzeiro tem disso em todas as competições. É uma equipe grande, de tradição, então, em todos os campeonatos que disputar, com certeza será respeitado. A gente tem que fazer prevalecer a camiseta do Cruzeiro, impondo o nosso ritmo e dando o máximo para chegarmos ao título", disse.

Campeão da Copa do Brasil em 2010 pelo Santos, Bruno Rodrigo apontou o que considera fundamental o Cruzeiro fazer para faturar o título. "São dois jogos, mas, se você perde um, já complica, você fica numa desvantagem enorme. É um caminho mais curto para a Libertadores, todos os times dão valor para esta competição, e temos que entrar em cada fase como se fosse a final, todo mundo tem que se doar ao máximo sempre", afirmou.

Bruno Rodrigo avaliou também que o Cruzeiro não deve entrar em campo pensando em vencer o CSA por dois gols de diferença para eliminar o jogo da volta, mas apenas em conquistar um resultado positivo.

"Acho que o objetivo de todos é vencer a partida, independentemente do resultado. Se for por dois gols de diferença, melhor. Mas acho que o objetivo é vencer, fazer um bom jogo, e voltar de lá com a vitória", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.