Buffarini admite erro em revés no Morumbi e quer acelerar adaptação ao São Paulo

'Tenho muito mais a dar para o time', diz lateral argentino

Estadão Conteúdo

18 de agosto de 2016 | 21h17

O lateral-direito Julio Buffarini admitiu nesta quinta-feira que errou no lance que resultou no gol do Botafogo aos 48 minutos do segundo tempo, pela rodada passada do Campeonato Brasileiro, e espera que a falha não se repita. "Estou contente e com vontade, mas tenho muito mais a dar para o time. A gente aprende com os erros e o que passou no último jogo comigo não pode passar, ainda mais a minutos do fim de uma partida", lamentou o argentino.

Em breve, ele ganhará um motivo especial para se motivar. Sua família está chegando da Argentina para morar com ele, em um apartamento no bairro de Perdizes, na zona oeste da capital paulista, próximo do CT do São Paulo. A presença da mulher e da família ao seu lado ajudará na adaptação. Só de técnicos, ele passará pelo terceiro seguido em menos de um mês.

"Em muito pouco tempo desde minha chegada foram três técnicos, justamente no meio de minha adaptação. O jogador precisa ser consciente e se adaptar mais rapidamente ao técnico, ao clube e ao país. Vai ser muito mais fácil a adaptação cercado das pessoas queridas e agora começa uma nova e linda etapa em minha vida", projetou.

Neste domingo, o São Paulo enfrenta o Internacional, às 16 horas, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, em jogo que marca a estreia do técnico Ricardo Gomes no comando do clube. Antes dele, Buffarini foi comandado pelo compatriota Edgardo Bauza, contra o Atlético Mineiro, e o interino André Jardine o dirigiu diante de Santa Cruz e Botafogo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.