Burnley surpreende e bate o Manchester United

Com gol de Robbie Blake, equipe recém-promovida à primeira divisão na Inglaterra ganha a partida por 1 a 0

Agencia Estado

19 de agosto de 2009 | 18h53

Recém-promovido à primeira divisão do Campeonato Inglês, o Burnley surpreendeu o Manchester United nesta quarta-feira e venceu por 1 a 0, com gol marcado pelo meia Robbie Blake. Foi a primeira partida da equipe mandante em seu estádio pela Premier League em 33 anos.

Veja também:

tabela Campeonato Inglês - Classificação / resultados / calendário

especialINGLÊS - Leia mais notícias do campeonato

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O Burnley vinha de bons resultados na temporada passada. Além de garantir acesso à primeira divisão, eliminou Chelsea e Arsenal na Copa da Liga Inglesa e foi derrotado apenas na semifinal, pelo Tottenham.

O gol de Blake foi marcado aos 18 do primeiro tempo, ao acertar bonito chute de fora da área. A um minuto do fim da partida, o Manchester United teve um pênalti a seu favor, mas Carrick cobrou e Brian Jensen defendeu. As duas equipes têm três pontos e voltam a jogar no sábado, o Burnley contra o Everton e os tricampeões contra o Fulham.

Recuperando-se da derrota na estreia, o Liverpool massacrou em casa o Stoke City por 4 a 0 e somou os três primeiros pontos na competição. Fernando Torres abriu o placar no começo da partida e Glen Johnson ampliou no final do primeiro tempo, amplamente dominado pelo Liverpool. No final da segunda etapa, Kuyt e N''gog complementaram a vitória.

Ainda nesta quarta-feira, o Tottenham não tomou conhecimento do Hull City na casa do adversário, venceu por 5 a 1 e chegou aos seis pontos. Jermain Defoe marcou três vezes e foi o destaque da partida - o meia hondurenho Wilson Palacios e Robbie Keane completaram para o Tottenham, enquanto Stephen Hunt descontou. Após cair de mau jeito, o goleiro brasileiro Gomes se machucou e precisou ser substituído aos 16 do primeiro tempo.

Com um gol aos 45 do segundo tempo de McFadden, o Birmingham superou em casa o Portsmouth por 1 a 0 e chegou à sua primeira vitória na competição. O adversário segue sem pontuar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.