Peter Klaunzer / EFE
Peter Klaunzer / EFE

Buscando 'longevidade', Federer desiste de disputar Masters de Toronto

Número dois do mundo, vice-campeão da competição no ano passado, alegou preocupação com a sua condição física para a reta final da temporada

Estadão Conteúdo

23 de julho de 2018 | 18h14

Em mais uma decisão para reduzir o seu calendário, Roger Federer confirmou nesta segunda-feira que não disputará o Masters 1000 de Toronto, no Canadá, em agosto. O atual número dois do mundo, vice-campeão da competição canadense no ano passado, alegou preocupação com a sua condição física para a reta final da temporada.

+ Em semana 'livre' para líderes, Thiem sobe para 8º na ATP; Nadal segue na frente

"Eu tive um grande momento em Montreal no ano passado e sempre me diverti jogando diante dos fãs canadenses. Mas, infelizmente, o calendário é a chave para a minha longevidade. E decidi desistir de Toronto neste ano", declarou o suíço. "Desejo ao torneio todo o sucesso e sinto muito por ficar de fora desta vez."

O Masters 1000 disputado no Canadá alterna com o torneio feminino, organizado pela WTA, as disputas em Montreal e Toronto. Por isso, a competição masculina em 2017 foi disputada em Montreal. E, lá, Federer foi vice-campeão, ao ser batido pelo alemão Alexander Zverev na final.

O anúncio de Federer vem duas semanas depois de ele ser eliminado de forma inesperada nas quartas de final de Wimbledon, pelo sul-africano Kevin Anderson. Depois do triunfo de virada, Anderson foi até a final e foi vice-campeão, diante do sérvio Novak Djokovic.

Neste ano, o suíço já ficou de fora da temporada de saibro na Europa, que precede Roland Garros. Foram três meses afastado do circuito entre o Masters 1000 de Miami e o retorno somente na curta temporada de grama, em Stuttgart.

O vice-líder do ranking não confirmou quando será o seu retorno às quadras. Mas é certo que disputará ao menos um torneio preparatório para o US Open, quarto e último Grand Slam da temporada, que terá início no fim de agosto.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
tênisRoger Federer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.