Caio Jr aposta na volta de Edmundo para acertar o Palmeiras

'Sempre se espera muito de um ídolo como ele', afirma o técnico palmeirense sobre o veterano atacante

Daniel Akstein Batista e Juliano Costa, Estadão e Jornal da Tarde

09 de novembro de 2007 | 20h25

Juntos, Edmundo e Valdivia já atormentaram vários zagueiros neste Campeonato Brasileiro. Mas na quarta-feira, contra o Fluminense, o Animal fará dupla com Caio para ajudar o Palmeiras a vencer o time carioca e chegar mais perto de uma das vagas para a Libertadores. Veja também:  Falha contra o Sport tira sono do palmeirense Gustavo Após dois meses parado por causa de uma lesão, Edmundo volta justamente na vaga do chileno, suspenso por cinco jogos. A última partida do veterano atleta de 36 anos foi no dia 9 de setembro, na vitória por 2 a 0 sobre o Goiás. Ele (Edmundo) estava evoluindo bem, pena que se machucou", lembrou o técnico Caio Júnior. "Acredito muito nesta nova dupla, o Caio cresce quando tem alguém que divide a responsabilidade com ele." Mais do que Caio, que tem atuado como titular desde a lesão de Edmundo, o treinador aposta suas fichas no retorno do Animal. "Sempre se espera muito de um ídolo como ele", falou. "Ele motiva bastante os colegas e quer terminar o ano bem", contou. "É muito importante ter a experiência dele num momento com este." O técnico aposta ainda que o atacante Rodrigão vai crescer de rendimento com a presença de Edmundo. "Os dois têm características que podem se complementar." Como o time folga no fim de semana, Caio Júnior comemora o tempo livre para treinar. Principalmente no caso de Edmundo. "É um momento importante para ele jogar o máximo, pois a próxima partida ainda vai demorar." Depois de enfrentar o time carioca, o Palmeiras volta a campo no dia 25, contra o Inter, fora de casa. Com a certeza de Edmundo, a dúvida de Caio Júnior está no meio-de-campo: Makelele, Martinez e Deyvid Sacconi disputam duas vagas. Nesta sexta, o técnico testou várias formações diferentes do meio para a frente. A mais elogiada foi com Pierre, Makelele, Deyvid Sacconi e Caio; Edmundo e Rodrigão. Ou seja: Martinez pode deixar de ser capitão do time e virar reserva. "Estou fazendo uma série de observações. Tenho mais quatro dias ainda para definir o time que enfrentará o Fluminense", disse Caio Júnior, que saiu em defesa de Martinez."Bastaram duas derrotas para falarem que mexi no esquema tático e o time piorou. Mas não é válido analisar o futebol só pelo momento. Taticamente, ele é um atleta fundamental", afirmou.  Na zaga, Dininho, recuperado de dores musculares, volta no lugar de David. Nas laterais jogam Wendel e Leandro. Valmir, que deixou os últimos jogos esgotado, foi submetido a exames que não revelaram nada de anormal. Um dos motivos pelo cansaço seriam possíveis crises de hipoglicemia - falta de açúcar no sangue. Valdívia  O recurso para tentar diminuir a suspensão do chileno será apresentado ao STJD só na segunda-feira - e não nesta sexta, como esperava a diretoria do Palmeiras. Luiz Roberto Castro, advogado do clube, ainda estuda a melhor forma de pedir a diminuição da pena do Mago, que levou um gancho de cinco jogos pela expulsão contra o Vasco. "Acredito ainda que o Valdivia esteja presente no nosso último jogo, contra o Atlético-MG (dia 2)", disse Caio Júnior, esperançoso.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasEdmundoBrasileirão Série A

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.