Caio Júnior cobra vitória do Botafogo fora de casa

Melhor mandante do Campeonato Brasileiro, com 29 pontos em 12 jogos em casa, o Botafogo quer melhorar seu desempenho longe do Engenhão para brigar pelo título da competição. Esta, pelo menos é a cobrança do técnico Caio Júnior, que quer ver sua equipe com números melhores quando atua fora de seus domínios: em 11 partidas, foram apenas 12 pontos somados.

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2011 | 13h21

"Para o que pensamos, temos que ganhar mais fora de casa. Cito nos últimos jogos os exemplos das partidas que ganhamos, contra Cruzeiro e São Paulo. Por que vencemos? Tem um motivo. A forma como entramos, o espírito, a dedicação e saber que o adversário tenta se impor", declarou, nesta quarta-feira.

Com este pensamento, o Botafogo buscará sua quarta vitória fora de casa nesta quinta-feira, diante do Grêmio. O triunfo levaria o time carioca, atual quarto colocado, à terceira posição no torneio, com 44 pontos, deixando-o ainda mais próximo da briga pelo título.

"É um jogo muito importante, agora cada vez mais. Se ganha, dá moral e, psicologicamente e em termos de pontuação, seria maravilhoso. Mas temos que estar preparados para um campeonato com disputa acirrada até o final. O que vale é chegar na última rodada em primeiro", afirmou Caio Júnior.

E foi justamente com o objetivo do título que o treinador deixou o Al-Gharafa, no Catar, para assumir o Botafogo, em março deste ano, substituindo Joel Santana. "Voltei ao Brasil porque quero ser campeão. Já falei isso para os jogadores. Não tinha motivos no aspecto familiar e financeiro, minha vida pessoal no Qatar era maravilhosa, em todos os sentidos. Botei na cabeça que tinha voltar, disputar título e ser campeão. Só vou me sentir realizado se conseguir", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.