Ivan Storti| Santos FC| Divulgação
Ivan Storti| Santos FC| Divulgação

Camisa 10 de Gabriel é a mais vendida nas lojas oficiais do Santos

Jogador vive o melhor momento da carreira e pode receber sondagens de outros clubes

Gonçalo Junior, Estadão Conteúdo

11 de maio de 2016 | 10h59

A melhor fase da carreira do atacante Gabriel, campeão paulista e convocado para a disputa da Copa América com a seleção brasileira, já traz impactos positivos na sua relação com o torcedor santista. Estudo feito pela rede de lojas oficiais do Santos aponta que 80% das camisas vendidas com nomes estampados têm Gabriel nas costas. O restante se divide entre Lucas Lima, Ricardo Oliveira, o zagueiro David Braz e outros nomes escolhidos pelos próprios torcedores.

"Quando eu era pequeno, sempre sonhei em ter uma camisa do Santos. Primeiro, passava pelas vitrines das lojas e ficava olhando e desejando as camisas do Robinho. Depois, era o Neymar. Aquilo me inspirava e me fazia sonhar em vestir esse manto, que já teve Pelé, Zito e tantos outros craques", afirmou o atacante de 19 anos.

O camisa 10 foi escolhido como garoto-propaganda de uma nova linha de roupas do Santos, na linha casual, criada para homenagear os Meninos da Vila.

O jogador, no entanto, dificilmente permanecerá no clube no segundo semestre. Embora o Santos afirme que ele ainda não tenha recebido nenhuma proposta oficial, representantes do Real Madrid estiveram em São Paulo para acompanhar as finais do Campeonato Paulista. Além disso, clubes ingleses e alemães já fizeram sondagens sobre o artilheiro do Santos na temporada. Após o título paulista, conquistado no último domingo com vitória por 1 a 0 sobre o Audax, na Vila Belmiro, o atacante desconversou sobre seu futuro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.