Camisas do Universitário são leiloadas

O Universitário, uma das equipes mais tradicionais do futebol peruano, ficou literalmente sem roupas, em razão de dívidas. Para quitar débitos que chegam a US$ 25 mil, o clube teve de penhorar os uniformes dos jogadores e já perdeu a renda de sua próxima partida, penhorada pela Justiça. O Universitário também pode perder o controle sobre seu estádio, o Monumental de Lima, um dos mais modernos do país, já que uma construtora cobra dívidas atrasadas do presidente Alfredo González, um dos dirigentes mais polêmicos do futebol peruano e sobre o qual recaem suspeitas de irregularidades fiscais.

Agencia Estado,

23 de outubro de 2004 | 13h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.