Divulgação/CBF
Divulgação/CBF

Campeão do Mundial Sub-17, técnico Guilherme Dalla Déa deixa a seleção brasileira

Treinador deixa equipe nacional de base para coordenar projeto no Guangzhou Evergrande, da China

Redação, Estadão Conteúdo

01 de agosto de 2020 | 10h50

A CBF anunciou que o técnico Guilherme Dalla Déa deixou o comando da seleção brasileira sub-17. O treinador, que foi campeão do Mundial da categoria, no ano passado, se despediu do cargo para coordenar um projeto de base no Guangzhou Evergrande, da China.

Em comunicado oficial, a CBF afirmou que a decisão foi tomada em comum acordo. O presidente Rogério Caboclo elogiou o trabalho de Dalla Déa, que integrou durante cinco anos e meio o quadro de treinadores das categorias de base da seleção brasileira.

"Desejamos sucesso ao Dalla Déa nessa nova fase da sua carreira. Ele é profissional honrado e vencedor que agora parte para um novo mercado, onde tenho convicção que fará um grande trabalho. A CBF agradece pela dedicação e pela competência que ele sempre demonstrou dirigindo a base da Seleção Brasileira", disse Caboclo.

Guilherme Dalla Dea chegou à CBF em 2015 depois de trabalhar na base do São Paulo. Ele comandou as seleções sub-15 e sub-17 e conquistou títulos importantes nas duas categorias, entre eles os campeonatos Sul-Americano Sub-15 e Sub-17, além do Mundial Sub-17, no Brasil, em 2019, a principal conquista de sua carreira.

"É um até logo e quem sabe um dia a gente se reencontra nesse caminho", ressaltou Dalla Dea. "Tenho agora uma grande missão lá fora, que é representar nosso país muito bem nossa classe dos treinadores e espero fazer o melhor", completou o treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.