Reprodução Twitter DFB TEAM
Reprodução Twitter DFB TEAM

Campeão do mundo de 1954, alemão Hans Schäfer morre aos 90 anos

Ex-atacante foi ídolo do Colônia, que lamentou sua morte nesta terça-feira

Estadão Conteúdo

07 Novembro 2017 | 17h38

Hans Schäfer morreu nesta terça-feira aos 90 anos. Ex-atacante da seleção alemã, campeão da Copa do Mundo de 1954, na Suíça, ele teve o falecimento confirmado pelo Colônia, clube do qual foi ídolo e que defendeu durante toda a carreira. As causas da morte não foram divulgadas.

+ Maior goleador das Copas, Klose levará taça a palco do sorteio do Mundial de 2018

"Hoje perdemos um dos maiores representantes de nosso clube. Como campeão do mundo e como o maior ídolo de nosso clube, Hans Schäfer é imortal", declarou o presidente do Colônia, Werner Spinner.

Nascido justamente na cidade, Schäfer chegou ao Colônia em 1948, aos 20 anos, meses depois da criação do clube. Lá, conquistou o Campeonato da Alemanha Ocidental duas vezes e a Copa da Alemanha em uma outra oportunidade, antes de se aposentar em 1965.

Pela seleção alemã, foi presença constante nas convocações entre 1952 e 1965, tendo sido um dos destaques do título mundial em 1954, o primeiro do país. O jogador ainda foi o capital da equipe nas duas Copas seguintes - Suécia-1958 e Chile-1962.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.