Campeão na Inter, Pintado aguarda propostas

Campeão paulista da Série A2, Pintado não cansa de comemorar o seu primeiro título como treinador. Afinal, em sua primeira oportunidade na nova função, o ex-jogador levou a Internacional, de Limeira, de volta à primeira divisão do futebol paulista. "A conquista foi maravilhosa. Fizemos a melhor campanha em todo o campeonato e estou muito feliz com esta minha estréia como treinador, não poderia ser diferente", diz o ex-volante do São Paulo. O futuro do treinador, no entanto, ainda é incerto. Para o segundo semestre, ele ainda não sabe onde irá atuar. Com a possibilidade da Internacional ficar inativa durante o restante do ano, o técnico deve começar as negociações com outros times. A expectativa é de um acerto com algum clube que dispute o Campeonato Brasileiro da Série B ou C. "Por enquanto estou comemorando o título, mas depois iremos estudar as propostas que surgirem. Estou tranqüilo e otimista quanto ao futuro", declara. A Internacional ainda espera a confirmação na Copa Federação Paulista de Futebol, destinada aos clubes paulistas que não disputam o Campeonato Brasileiro. A princípio, o time limeirense não disputaria o torneio, mas com a saída de alguns clubes, a Inter pode até ser incluída. Os outros participantes do quadrangular final também entram agora em processo de desmanche. O Flamengo de Guarulhos, por exemplo, ficou sem o experiente volante Odair, de 38 anos, e zagueiro Luisão, de 22 anos, se se transferiram para o Corinthians Alagoano que disputará a Série C. O atual campeão alagoano também levou o volante Vieira, de 23 anos, do Taquaritinga. O atacante flamenguista Marcinho vai ficar três meses no Santos. O lateral-esquerdo Dickson, destaque da Internacional, inclusive por ter marcado sete gols, se transferiu para o Marília.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.