Rafael Ribeiro/Vasco
Rafael Ribeiro/Vasco

Campello pede reunião com Conselho Deliberativo do Vasco para aprovar empréstimo

Presidente defende que o clube precisa de R$ 30 milhões para quitar os salários dos jogadores e funcionários

Redação, Estadão Conteúdo

28 de maio de 2019 | 20h34

Alexandre Campello, presidente do Vasco, enviou um ofício ao Conselho Deliberativo do clube solicitando uma reunião, "com a maior brevidade possível" para apresentar a necessidade de conseguir um empréstimo de R$ 30 milhões para quitar os salários dos jogadores e funcionários, que não recebem faz dois meses.

No ofício enviado para Roberto Monteiro, presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, Alexandre Campello diz que dará como garantia recebíveis de contratos de direitos de TV.

Em outubro de 2018, o Vasco pegou um empréstimo de R$ 38 milhões para pagar salários. Como já passava por momentos difíceis financeiramente, Campello teve dificuldades para conseguir o dinheiro.

O Vasco é o último colocado no Campeonato Brasileiro, com três pontos, após seis rodadas disputadas. O time soma três empates e três derrotas. No domingo, às 11 horas, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo vai enfrentar o Botafogo, no Engenhão.

O zagueiro Leandro Castán, capitão do time, vai continuar fora do time por causa de uma lesão na coxa esquerda. O departamento médico não divulga a previsão de retorno do jogador, que admitiu ter tentado retornar aos gramados antes do previsto - a última vez em que atuou foi em 24 de abril, na vitória por 2 a 1 sobre o Santos, pela Copa do Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:
Vascofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.