Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Campeões e classificados, Corinthians e Bahia se enfrentam na estreia do Brasileirão

Técnico Fábio Carille tem quatro dúvidas na escalação por problemas físicos para duelo em Salvador pela primeira rodada do Brasileirão

João Prata, O Estado de S.Paulo

28 de abril de 2019 | 04h30

O Corinthians conquistou o tricampeonato paulista, se classificou para as oitavas de final da Copa do Brasil e terá pela frente na estreia do  Campeonato Brasileiro o Bahia, que também vem de conquista estadual e avançou no torneio mata-mata. Ambos chegam desgastados fisicamente para a primeira rodada do Nacional neste domingo, às 16h, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O técnico Fábio Carille tem ao menos seis jogadores com problemas físicos. Quatro não estarão em campo: o zagueiro Henrique, o lateral-esquerdo Danilo Avelar, o volante Junior Urso e o atacante Gustagol. O lateral-direito Fagner e o atacante Boselli chegaram a ser poupados nos treinos, mas devem ir para o jogo.

Os dois foram destaques na vitória por 2 a 0 sobre a Chapecoense, resultado que garantiu o time à próxima fase da Copa do Brasil. O argentino marcou o gol que abriu o caminho da vitória e o lateral fez grande jogada para o segundo gol, marcado por Mateus Vital.

O atacante Clayson, importante para a conquista do título estadual e da classificação no torneio mata-mata, minimizou o cansaço e pediu para jogar. "Acho que tem que dar continuidade. Estou em uma boa fase, tenho que manter a regularidade, que é muito importante e é algo que estou buscando em todos os jogos, para fazer uma boa sequência e poder ajudar o Corinthians a ganhar títulos", disse.

O jogador também estava presente no elenco campeão brasileiro em 2017. Na ocasião, o Corinthians teve uma arrancada surpreendente nas rodadas iniciais que no fim das contas foi fundamental para a conquista do título. "A gente estava em um bom momento, fizemos um primeiro turno invicto. Vai ser algo bem difícil de se repetir, mas acho que a gente pode fazer sim até a parada da Copa América um bom campeonato, para voltar e recupera com confiança e terminar bem", comentou.

São nove rodadas até a pausa para a Copa América. Nesse período, o time fará 13 jogos entre Brasileirão, oitavas de final da Copa do Brasil e segunda fase da Copa sul-americana. O técnico Fábio Carille deverá ter apenas uma semana livre, sem jogos, para organizar a equipe.

Bahia

As dúvidas no Bahia ficam por conta do goleiro Douglas e do meia-atacante Élber, ambos com problemas musculares. A boa notícia é que o time tricolor deve contar com o retorno do zagueiro Lucas Fonseca, que ficou fora da derrota para o Londrina por 2 a 1, fora de casa, na última quinta-feira - apesar do tropeço, o time tricolor avançou na competição mata-mata porque venceu o primeiro duelo por 4 a 0. Outro que participou da atividade foi o volante Elton, liberado da última partida para resolver problemas particulares.

O volante Ramires, que chegou a ser sondado pelo Corinthians no início do ano, aposta no apoio dos torcedores para estrear com vitória. "Em casa é uma emoção a mais, o torcedor apoia a gente do início ao fim. Vai ser um jogo bastante difícil. O Corinthians é campeão paulista, e a gente campeão Baiano. Se Deus quiser, vamos sair com o triunfo de lá", comentou.  

FICHA TÉCNICA:

BAHIA X CORINTHIANS

BAHIA - Anderson (Douglas); Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Douglas Augusto, Ramires e Arthur; Arthur Caíke e Gilberto. Técnico: Roger Machado.

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Manoel, Pedro Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Ramiro e Sornoza; Pedrinho, Boselli e Clayson. Técnico: Fábio Carille.

ÁRBITRO - Wilton Pereira Sampaio (GO)

HORÁRIO - 16h

LOCAL - Arena Fonte Nova, em Salvador.

NA TV - Globo e Pay-per-view.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.