Campeonato Alemão recomeça amanhã

Depois de seis semanas de paralisação por causa do rigor do inverno, o Campeonato Alemão será reiniciado nesta sexta-feira com a partida entre Borussia Dortmund e Schalke 04, dois times que fizeram campanhas modestas no primeiro turno. O Borussia está em sexto lugar, com 25 pontos - 14 a menos que o Werder Bremen - e o Schalke é o oitavo, com 24.Um tabu estará em jogo nessa partida, que é conhecida como o dérbi do vale do Ruhr: o Borussia não ganha em casa do rival desde 1998.A crise financeira também chegou ao futebol alemão. Os clubes da primeira divisão têm uma dívida que supera os US$ 875 milhões e por isso, a movimentação no mercado de contratações durante o recesso esteve próxima de zero. Apenas US$ 5,6 milhões foram gastos e a negociação mais vultosa foi feita pelo Stuttgart, que investiu US$ 3,7 milhões para comprar o suíço Marco Streller.O Borussia é um dos clubes em apuros. Sua diretoria diz que a situação não é desesperadora, mas preocupa. De olho nos problemas de caixa do rival, o Bayern de Munique já cresceu o olho para cima de três jogadores: os brasileiros Dedé e Ewerthon e o meia checo Rosicky. A informação foi confirmada por Franz Beckenbauer, presidente do Bayern. "O Borussia terá problemas por causa de sua eliminação na primeira fase da Liga dos Campeões e esses três jogadores cairiam muito bem aqui", afirmou o dirigente.Líder com 39 pontos - quatro a mais que Bayern de Munique, Bayer Leverkusen e Stuttgart -, o Werder Bremen entrará em campo no sábado para receber o Hertha Berlin. Será o início do último semestre do atacante Aílton no clube - em junho ele se transferirá para o Schalke. "Quero ganhar o título antes de ir embora", disse o jogador, que é o artilheiro do campeonato com 16 gols.Os outros jogos da rodada serão os seguintes: Bochum x Wolfsburg, Munique 1860 x Kaiserslautern, Colonia x Borussia Moenchengladbach, Stuttgart x Hansa Rostock, Eintracht Frankfurt x Bayern de Munique, Freiburg x Bayer Leverkusen e Hannover x Hamburgo.

Agencia Estado,

29 de janeiro de 2004 | 18h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.