Friedemann Vogel / EFE
Friedemann Vogel / EFE

Campeonato Alemão volta da parada de inverno com RB Leipzig como time a ser batido

Torneio se reinicia nesta sexta com partida entre o vice-líder, o Borussia Mönchengladbach, e o Schalke 04

AFP, AFP

17 de janeiro de 2020 | 06h05

O Campeonato Alemão volta neste fim de semana com uma 18ª rodada em que o RB Leizpig, que terminou 2019 na liderança, apresenta-se como a equipe a ser batida no segundo turno. As diferenças entre as equipes na tabela, porém, não são grandes e muitas delas ainda brigam pelo título nacional.

O RB Leipzig jogará no sábado em casa contra o Union Berlin (11º) com o objetivo de mostrar que a longa parada de fim de ano no torneio não foi capaz de atrapalhar o bom momento da equipe.

O RB Leipzig defende uma vantagem de dois pontos sobre o vice-líder, o Borussia Mönchengladbach, que nesta sexta-feira visita o Schalke 04 (5º), uma equipe que está a sete pontos do primeiro lugar e também sonha com o título.

O Borussia Mönchengladbach, que foi líder durante dois meses, até o início de dezembro, prefere pregar humildade. "A classificação para a Liga dos Campeões seria como um título para nós", afirmou o diretor esportivo do clube, Max Eberl.

O gigante Bayern de Munique inicia o segundo turno na terceira colocação, a quatro pontos do líder e a dois do vice-líder. O primeiro duelo do Bayern em 2020 será contra um velho conhecido, o ex-jogador e ex-técnico do clube Jurgen Klinsmann, que assumiu o comando técnico do Hertha Berlin (12º) em dezembro.

Desde a chegada de Klinsmann, o Hertha soma 10 pontos em 12 disputados e pretende surpreender o favorito Bayern. "Não temos nada a perder. Se conseguimos um pontos, será ótimo. Se somarmos três, daremos uma festa", brincou.

O Bayern, após um início de temporada complicado domesticamente, segue sofrendo com lesões no elenco. Robert Lewandowski (operado da virilha em dezembro) e Serge Gnabry (tendão de Aquiles) ainda não voltaram a treinar com os companheiros, enquanto os franceses Lucas Hernández e Kingsley Coman seguem desfalcando o time.

Logo atrás na tabela, o Borussia Dortmund (4º), a três pontos do Bayern e a sete do líder Leipzig, visitará o Augsburg (10º). / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.