Reprodução
Reprodução

Campeonato Inglês 'congela' preço dos ingressos em 30 libras

Valor equivale a R$ 160,00, mas só vale para visitantes

Estadão Conteúdo

09 de março de 2016 | 10h59

Os clubes que disputam o Campeonato Inglês chegaram a um acordo nesta quarta-feira e decidiram "congelar" os preços dos ingressos para as torcidas visitantes em 30 libras (aproximadamente R$ 160) pelas próximas três temporadas. A decisão foi unânime. A definição foi tomada em uma reunião especialmente convocada para esta quarta-feira para debater a polêmica envolvendo o preço dos ingressos, algo que vem sendo alvo de vários protestos dos torcedores ingleses nos últimos meses.

Durante esta temporada, torcedores do Liverpool chegaram a abandonar uma partida no Anfield Road em protesto contra o aumento do valor dos ingressos para os jogos do time no estádio na próxima temporada, o que posteriormente acabou sendo anulado. A Federação de Torcedores de Futebol da Inglaterra realizou campanha para a redução do valor dos ingressos para os visitantes e defendeu que o preço fosse de 20 libras (R$ 107). E mesmo que o valor não tenha sido esse, conseguiu uma vitória nesta quarta.

Com a decisão, nenhum torcedor vai pagar mais de 30 libras (R$ 160) fora de casa a partir da próxima temporada, quando os clubes passarão a se beneficiar de um novo acordo de transmissão pela TV, com o pagamento de valores bilionários. Em comunicado oficial, os clubes observaram que os torcedores visitantes "são essenciais para o ambiente do jogo e estimulam a resposta dos torcedores de casa, o que distingue o Campeonato Inglês das outras ligas". Além disso, lembrou que os fãs possuem outras despesas, como com as viagens para os jogos.

Apesar da reclamação envolvendo os preços dos ingressos, o Campeonato Inglês registra uma taxa de 96,2% da ocupação dos estádios nesta temporada. Mas, diante das reclamações, os clubes chegaram a custear viagens de ônibus para os torcedores acompanharem os jogos fora de casa. Agora eles também decidiram congelar o valor das entradas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.