Eduardo Nicolau/AE
Eduardo Nicolau/AE

Campo Grande faz festa para receber a seleção brasileira

Milhares de torcedores se aglomeram no aeroporto da cidade e outras dezenas foram ao hotel receber o time

AE, Agência Estado

12 de outubro de 2009 | 10h09

A derrota da seleção brasileira por 2 a 1 para a Bolívia encerrou uma invencibilidade de 19 partidas, mas não diminuiu a empolgação do torcedor de Campo Grande. No final da noite de domingo, a equipe foi recepcionado com muita festa na capital do Mato Grosso do Sul.

Veja também:

linkJOGO - Leia como foi Bolívia 2x1 Brasil

linkMorenão ainda passa por reformas para receber seleção

linkAdriano acha difícil jogar contra a Venezuela

linkDunga reclama da falta de tempo para adaptação

linkCopa 2010: mais oito países estão classificados

especialMAPA - Os países que já garantiram vaga na Copa

Eliminatórias da Copa - tabela Classificação | lista Tabela 

especial ELIMINATÓRIAS - Mais no canal especial

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Milhares de torcedores se aglomeram no aeroporto da cidade e outras dezenas foram ao hotel onde os jogadores brasileiros vão ficar concentrados até quarta-feira, quando a equipe vai enfrentar a Venezuela, pela última rodada das Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2010.

"É muito bom chegar em casa e ser recebido dessa maneira. Essa manifestação deixa a gente sempre motivado para dar o máximo pela seleção brasileira", agradeceu o goleiro Júlio César.

Em Campo Grande, o elenco brasileiro se juntou aos três titulares poupados por Dunga: Gilberto Silva, Kaká e Luís Fabiano, e ao reserva Hélton. Nesta tarde os jogadores da seleção fazem um treinamento no Estádio Morenão.

Para o último compromisso pelas Eliminatórias, o técnico Dunga deve ter três desfalques. Além do lateral-direito Daniel Alves e do volante Josué, suspensos, o centroavante Adriano se machucou em La Paz, levou quatro pontos no tornozelo esquerdo, e não deve se recuperar a tempo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.